31.8.15

DIGA ''SIM'' ÀS DROGAS


Se eu avisar antes, talvez você até goste do filme. Ninguém me avisou, eu dei de cara com aquele modo estranho do filme de usar cenas surreais para gerar comédia. Algo bem forçado. E no fim das contas, havia uma explicação do tipo Fada Madrinha. Ok, então o filme tem um toque de magia, depois que você nota isso começa a aceitar melhor os absurdos. Nada no começo do filme, ou na sinopse, prepara você para isso. 
E aí você percebe que o filme é uma ideia interessante, o problema está no modo como a trama é apresentada.

O bonitão Marshall vive com seu namorado Gabe há sete anos. Gabe trabalha demais e Marshall sente falta de sexo em seu casamento. Ele descobre um site de relacionamentos chamado eCupid e cria um perfil apenas por curiosidade, dizendo que se sente frustrado e tudo o mais nas opções que surgem no menu. Aí o site trava de repente. Marshall desiste e vai pra cama. Durante a noite, o eCupid se instala no computador e no celular do rapaz, tipo poltergeist. O site começa a enviar mensagens, liga a câmera e o gravador quando quer, e também bloqueia mensagens recebidas e as apaga. Além de agendar festas na casa de Marshall e de dar seu endereço para outros homens, para encontros sexuais.
A intenção do site é tirar Gabe da vida de Marshall e lhe dar novas oportunidades no amor (e também uma lição de vida). eCupid (2011) acerta a mão antes do final, vira uma comédia romântica satisfatória, para se ver numa quarta feira chuvosa.













FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: eCupid
ANO: 2011
PAÍS: eua
DURAÇÃO: 95 min
DIRETOR: JC Calciano (is it just me?)
ELENCO: Houston Rhines e Noah Schuffman

GALERIA DO TERROR



Me diga, por que tanta gente odeia ALIEN³ ??? Ok, o filme não conseguiu ser melhor que o segundo. E tem aquele final. De certa forma, um final poético. Não diminui o papel de Ripley como heroína da franquia. E ela ainda levou a espécie, hoje chamamos os bichos de ''Xenomorfos'', à extinção, salvando o universo também.

O diretor David Fincher queria trazer de volta o clima tenso do primeiro alien. Um monte de gente, um lugar apertado e sem saída, e um único xenomorfo. ALIEN³ foi seu primeiro trabalho como diretor de cinema, antes disso ele dirigia vídeo clips da Madonna (você gostou de Vogue? Foi ele).
Esse terceiro filme é muito diferente dos dois primeiros. O alien perde espaço para a história de uma mulher presa num ''planeta prisão'' com vários criminosos. É realisticamente pesado. Ela quer salvar a todos e eles só pensam em sexo. Esse medo de uma revolta dos prisioneiros domina o filme enquanto o alien atravessa suas quatro fases de crescimento, sem ser incomodado.

James Cameron tinha planos para um ''alien 3'', e disse que iria ignorar o filme de Fincher caso surgisse a oportunidade de fazer mais um alien. Quando a quadrilogia foi lançada em dvd, todos os quatro filmes ganharam edições especiais. O primeiro filme ganhou cenas novas, que nunca foram usadas. O segundo filme virou uma obra prima com 154 minutos. Cenas adicionais não salvaram o quarto filme. E David Fincher se recusou a fazer uma nova edição de ''Alien³''. Então o estúdio fez isso por ele. Uma cena alternativa mostra o alien atacando um boi, e não um cão, e isso não alterou muito o restante da trama.

O drama de Ripley na prisão, o cabelo raspado, o quase beijo do alien, a descoberta da rainha em seu corpo e o sacrifício final. Esse filme tem ótimos momentos, e também um alien digital (novidade na franquia). Não teria sido assim tão ruim se a franquia tivesse terminado com esse filme. No fim das contas, Alien 4, cheio de clones, conseguiu ser uma decepção ainda maior.















FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: alien³
ANO: 1992
PAÍS: eua
DURAÇÃO: 114 min
DIRETOR: David Fincher (clube da luta, seven)
ELENCO: Sigourney Weaver, Charles S. Dutton e Charles Dance
PRÊMIOS: indicado para o Oscar de melhores efeitos especiais.

30.8.15

livro - STAR WARS, KENOBI


É o melhor livro, do universo expandido, que já li. Sinto muito Timothy Zahn, mas eu adoro um faroeste. KENOBI poderia ser um western qualquer se não fosse ambientado em outro planeta. Tatooine virou o velho oeste, os fazendeiros de umidade são os cowboys e os Tuskens são os índios, eles até chamam os fazendeiros de ''colonos''.

A trama se passa logo após o final do episódio III. Obi Wan foi para Tatooine e entregou o bebê Luke para Owen Lars. Depois foi procurar um lugar para morar, não muito distante da fazenda dos Lars, sua missão é vigiar e proteger Luke.

Quem domina o livro é a dona de um famoso armazém local, Annileen. Ela toma conta dos negócios desde que o marido morreu e tem que criar dois filhos rebeldes. Como Obi Wan precisa de suprimentos, ele costuma dar as caras no local. Ele se apresenta como Ben e Annileen começa a se apaixonar por ele.
Os fazendeiros de umidade estão em guerra com os Tuskens. Assim como os índios, eles invadem propriedades e às vezes sequestram pessoas. O povo da areia ganhou sua própria mitologia nesse livro, suas vestimentas, seus costumes, sua religião, está tudo lá. E um deles, A'Yark, faz parte do elenco principal.

Ben dá uma de Superman barra Clark Kent quando os colonos estão em perigo. Ele tira proveito da escuridão, ou da névoa ou de qualquer outra coisa, para sacar seu sabre de luz e usar a Força. Depois volta a ser apenas Ben, o eremita, e ninguém desconfia de nada. Quando está sozinho, ele tenta se comunicar com seu antigo mestre, Qui-Gon, através de meditação. É legal ver como ele, aos poucos, deixa de ser o Obi Wan Ewan McGregor para se tornar o Obi Wan Alec Guinness.
O livro respeita não apenas os acontecimentos dos episódios II e III (amarrando algumas pontas) como também o seriado Clone Wars. E, é claro, tem também os acontecimentos futuros do episódio IV. O livro acaba ganhando um final tocante por conta disso.









FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: star wars, Kenobi
ANO: 2013
AUTOR: John Jackson Miller (star wars um novo amanhecer)
PÁGINAS: 522
EDITORA: aleph

COISAS QUE VOCÊ NÃO PRECISAVA SABER


Nants ingonyama bagithi baba (lá vem um leão)
Sithi uhhmm ingonyama (sim, é um leão)

Nants ingonyama bagithi baba (lá vem um leão)
Sithi uhhmm ingonyama (sim, é um leão)

Siyo Nqoba (nós vamos conquistar)
Ingonyama (leão)
Enamabaal Ingonyama nengw (é um leão e um tigre)
Enamabaal Ingonyama nengw (é um leão e um tigre)
Enamabaal Ingonyama nengw (é um leão e um tigre)
Enamabaal Ingonyama nengw (é um leão e um tigre)


29.8.15

DÊ UMA CHANCE PARA ...


EASTSIDERS é um web seriado de 2012 que andava sumido desde 2013. Uma segunda temporada vem aí, e você pode conferir a primeira temporada completa em dvd (importado). É muito mais fácil acompanhar a série vendo um episódio atrás do outro. Eles são bem curtinhos e cada um começa com uma data. Às vezes temos um intervalo de tempo de um dia entre um episódio e o outro, outras vezes temos um mês, ou até três meses. Cada vez que um episódio começa a gente tem que descobrir o que rolou na vida dos personagens desde o final do episódio anterior. Não fique perdido, um dos episódios chega a voltar um ano no passado.

Cal e Thom estão juntos há quatro anos. A série começa com Cal descobrindo a infidelidade de Thom. Já faz um tempo que Thom anda saindo com um bonitão chamado Jeremy. O pobre Jeremy é apaixonado por Thom e nem faz ideia de que Cal existe.
O casal tenta enterrar o passado mas Cal acaba indo atrás de Jeremy para acertar as contas e ... bom, você vai notar que os personagens estão sempre enchendo a cara, e quando dois homocaras ficam bêbados ...
E aí Jeremy começa a seguir tanto Cal quanto Thom, na tentativa de consertar as coisas. Aos poucos surgem novos personagens, as tramas vão se complicando e você não consegue mais parar de assistir porque os segredos não duram muito tempo, é bem novelesco.
Não tem cenas de sexo, nem nudez, o seriado não precisa disso. É um homo-seriado crescidinho, você pode ver com a mamãe ao lado.


28.8.15

ASSISTINDO MAD MAX NO ANTIGO EGITO




SEM PALAVRAS


ENCONTRE 16 FILMES NESTA IMAGEM SE PUDER

17 FILMES SE VOCÊ FOR FERA

dvd - GRANDES OLHOS


Ainda não sei se o filme foi uma ideia do próprio Tim Burton. É baseado numa história real, não tem nada de macabro ou de fantasioso na trama, Tim está dando uma de ''diretor sério''. Acho que foram os desenhos de Margaret Keane que chamaram a atenção do diretor para a história, ele também faz desenhos com esse mesmo estilo. 


Vi o filme no começo deste ano e adorei. Eu ainda não conhecia a história de Margaret Keane, mas já havia visto seus quadros. Na trama, Christoph Waltz se torna famoso vendendo os quadros que foram pintados (secretamente) por sua esposa Amy Adams (grandes atuações neste filme), dizendo pra todo mundo que o verdadeiro artista é ele. Amy ganhou o Globo de Ouro mas o filme foi ignorado pelo Oscar. É um filme que merece ser redescoberto em dvd. Pena que o dvd não traz extra algum...

dvd - COLEÇÃO DE CURTAS


Não me lembro de já ter visto um disco com curtas da Disney, apenas da Pixar. Me lembro de ter visto o departamento de animação quase fechando as portas, antes e depois, do fracassado ''a princesa e o sapo''. Então acho que agora o famoso prédio só tá fazendo curtas animados. Todos os 12 curtas deste disco são recentes, alguns são para crianças pequenas, outros não, nem de longe.

''John Henry'' é baseado no famoso conto do ex escravo que trabalhou na linha férrea. Vale a pena pelas canções (em inglês).
''Lorenzo'' tem um visual de pintura que se move. Mostra um gato cuja cauda cria vida. Foi indicado para um Oscar.
''A pequena vendedora de fósforos'' é o curta mais bonito do disco. Mas o final pode traumatizar os pequenos.
''Instale seu home theater com o Pateta'' é um curta do Pateta (dã). Os desenhos clássicos do personagem são mais engraçados.
''Tick tock tale'' é um curta em cgi protagonizado por relógios, no estilo toy story.
''Operação Papai Noel secreto'' também é em cgi e mostra os duendes (ou elfos ou gnomos) se preparando para o natal.
''A história de Nessie'' é animação clássica, com um visual clássico, sobre o monstro do lago Ness.
''Enrolados para sempre'' mostra o casamento da Rapunzel. E não tem Luciano na dublagem yey.
''O avião de papel'' tem um belo visual, e o protagonista é bonitinho. Eu tava mesmo querendo rever esse curta. Ganhou um Oscar.
''Hora de viajar'' é um curta do Mickey. Enganou muita gente. Disseram que se tratava de um desenho perdido dos anos 1930. Mas aí, num determinado momento, o Mickey atravessa a tela do cinema e se torna digital para a nossa surpresa. Veja também em inglês, é o próprio Walt Disney quem faz a voz do camundongo (isso sim foi material resgatado).
''O banquete'' é sobre um cachorrinho guloso. Seu dono arruma uma namorada e o cãozinho percebe que não está mais recebendo atenção, ou comida, suficiente. Ganhou um Oscar no ano passado.
E finalmente, ''Frozen: febre congelante''. Não é lá essas coisas, mas em inglês pode ser salvo. Assim como o filme, as letras das canções em PT decepcionam.

Nos extras há uma rápida entrevista com alguns diretores e cada curta pode ser visto com uma introdução antes do início, mostrando a criação da animação.