26.6.16

CHP CLASSIC


Meu filme Disney favorito. O primeiro filme que vi num cinema. O primeiro longa animado do estúdio a ganhar uma continuação (que foi o primeiro desenho a ser pintado 100% num computador). Mas deixe a continuação pra lá. O filme de 1977 é inesquecível, eu tinha um álbum de figurinhas, a versão em quadrinhos e até os dois bonecos. Desenhei uma HQ dando continuidade ao filme quando tinha uns nove anos.

Pra quem não conhece BERNARDO E BIANCA (hunf), a Sociedade de Proteção e Ajuda é formada por camundongos de vários países. A sede fica no porão do prédio da ONU. Uma sessão de emergência é agendada quando uma carta, de uma menina que foi sequestrada, é encontrada. A senhorita Bianca, representante da Hungria, se oferece para resolver o caso. E ela escolhe o zelador Bernardo para ser seu parceiro. Ela é louca por aventuras, ele tem medo de tudo.
A vilã do filme, a Madame Medusa, não tem aquela ''classe'' que vemos em outras vilãs do estúdio, é uma mulher mais ''ao natural''. Porém, no quesito maldade ela não faz feio. A personagem tinha apenas 1 animador (Milt Kahl), ninguém mais no estúdio conseguia desenhar a vilã além dele. A dublagem brasuca é nota dez, as canções ganharam letras bonitas (toma essa frozen, se eu ouvir mais uma vez um maldito ''livre estou'' ...) cantadas por uma moça chamada Evinha.

O filme marcou o fim da era de ouro da Disney, que só voltaria a pôr os pés no Oscar, e a fazer animações memoráveis, doze anos depois, com a Pequena Sereia.













E pra fechar, meu momento musical favorito, quando os camundongos estão decolando para a aventura.

25.6.16

dvd - ANOMALISA


Agora você pode curtir um dos melhores filmes do ano em casa. O filme é de 2015, mas estreou no Brasil em janeiro deste ano. Escrito e co dirigido por Charlie Kaufman (Quero ser John Malkovich, Adaptação, Brilho eterno de uma mente sem lembranças) e baseado numa peça, também escrita por ele. Se você conhece os filmes acima, já sabe como o mundo do cara é estranho, original e belo. ANOMALISA é um filme com stop motion. O personagem principal vive num mundo onde todos, ao seu redor, têm o mesmo rosto e a mesma voz. O filme não explica, mas é a síndrome de Fregoli. Leva um tempo pra você se acostumar com isso.


O dvd traz apenas dois extras. O making of da cena de sexo (9 min) e um extra sobre os efeitos sonoros (5 min).

24.6.16

TÁ CHEGANDO, o filme pornô do Capitão América


E os X-men? Você curtiu?

FUCK YEAH! CHUVEIRADAS edição 2016

CLARK GABLE


CARY GRANT


TONY DANZA


MATTHEW BRODERICK


CHRIS PRATT
 

MATTHEW FOX


JAMES MARSDEN
 

TOM HARDY

CALVIN HARRIS, NENHUM MOTIVO


100 ANOS DE CUECAS, a gente não se cansa desses vídeos


Onde arrumo uma cueca de 1986 pro meu namorado?

23.6.16

DÊ UMA CHANCE PARA ...


Quanto tentei ver esse filme nos cinemas em 2014, só encontrei cópias em 3D, então, nada feito. Meses depois, comprei o dvd, apostando que seria um filme legal. Eu não sei muita coisa sobre PEABODY E SHERMAN, acho que nunca vi o seriado animado na tv brasileira, apenas referências em outros seriados. Tem um cachorro esperto e um menino, eles viajam no tempo e ensinam História.
No filme, talvez isso seja novidade, o garoto Sherman foi abandonado na porta do sr Peabody ainda bebê. Peabody nunca foi adotado por nenhuma criança, cresceu e se tornou um famoso, e solitário, inventor. Ele decide adotar o bebê legalmente e consegue.
Anos depois, Sherman começa a ter problemas na escola, por ser filho de um cachorro. Ele acaba mordendo uma menina. Então o sr Peabody convida os pais da garota para um jantar na tentativa de fazer as pazes. A menina descobre a máquina do tempo e pula dentro dela. Sherman e seu pai passam o filme todo tentando resgatar a menina em vários momentos históricos. 
Visualmente, o filme é muito bonito. A trama não é muito infantil. Não se trata apenas de uma aventura no tempo, o sr Peabody precisa salvar sua relação com Sherman, caso contrário, ele vai perder a guarda do garoto.
O diretor do filme também é responsável por outros sucessos como ''Stuart Little'' e ''O rei leão''.

ACREDITE, SE QUISER


A Rede Globo vai exibir uma cena de homossexo em uma de suas novelas. A novela das 23hrs (isso existe?) ''Liberdade, liberdade'', vai mostrar dois caras fazendo vuco vuco numa cama, no capítulo que irá ao ar no dia 12 de julho. 
Bom, 23 horas? Já estou no sono REM. E também não tenho a Globo na minha grade de canais. 
Quem sabe não pinta um vídeo na web no dia seguinte. Mas a gente já sabe o que vai rolar. A mídia vai fazer aquele escândalo. E para nós, a cena não vai ser nada de mais...

E, pra fechar, pela terceira vez no blog, homossexo numa novela argentina de 2006 (el tiempo no para)


VERSÃO BRASILEIRA


Eu já disse que não tenho nada contra a dublagem brasileira, os dubladores brasileiros são ótimos. O que eu não gosto é quando pinta um artista qualquer dando uma de dublador. Naquela lista que postei há algum tempo - animações que eu nunca vejo em português, já posso acrescentar ''Frozen'' ali no meio. Animações dubladas no cinema, dá pra perdoar, sempre foi assim. 
Mas essa ditadura dos filmes dublados tá acabando comigo. Estamos no meio do ano e eu já perdi seis filmes. Nem vou poder ver ''Independence day 2'' amanhã por conta disso. Alguns cinemas exibem cópias legendadas, porém, no fim do dia. E aí alguém disse que ''filmes dublados são exibidos durante o dia para a alegria das crianças''. Mas até os filmes de terror estão sendo exibidos dublados.
Quando o Anselmo veio pra cá, ele quis ver ''minha mãe é uma sereia'', em versão dublada. Nada contra. A gente cresce vendo certos filmes dublados na sessão da tarde e se apaixona por eles mesmo assim. Até hoje lamento o fato do dvd, e do blu-ray, dos Goonies não trazer a dublagem clássica. ''Salve-me quem puder'' e ''Elvira'' são outros dois filmes que vejo dublados numa boa. ''Arquivo X'', só dublado. Mas isso é aqui em casa.
Filmes dublados no cinema são uma péssima ideia. Me lembro de perder muitos diálogos de ''Mulan'' por conta do sistema de som ridículo de uma sala. Filme nacional então nem se fala.
O Anselmo tá voltando. A gente vai ver ''Esquadrão suicida'' juntos. Ele precisa de óculos pra ver as legendas. 
E se o filme estiver em 3D ... bom, esse é outro problema com os filmes atuais.



Já estou esperando perder ''As caça-fantasmas'', ''A lenda de Tarzan'', ''O bom gigante amigo'', ''Star trek'', ''O lar das crianças peculiares'', ''Dr Estranho'', ''Animais fantásticos e onde habitam'' e, o horror, ''Star wars rogue one''. 
Vejam ''ID4 2'' por mim neste fim de semana.