27/11/2014

DÊ UMA CHANCE PARA ...


Depois de assistir ''sob a pele'', fiquei com vontade de rever AQUI É O MEU LUGAR. Os dois filmes são bem parecidos. Um ritmo mais tranquilo, nenhuma pressa (e não é Sofia Coppola), poucos diálogos, você tira suas próprias conclusões porque os personagens não dizem o que pensam barra sentem o tempo todo. O filme foi ignorado pelo Oscar, estreou em 2011, passou pelo Brasil em 2012 e o dvd só apareceu por aqui em 2013, que descaso é esse? O filme é tão legal.
Sean Penn é um roqueiro na meia idade que está super entediado. Ele não se apresenta há anos, mas nunca tira a maquiagem pesada. Ele vive com a esposa numa mansão na Irlanda, onde ele ainda é famoso. Um dia, o cara recebe uma ligação dos isteites dizendo que seu pai, que ele não vê há 30 anos, está morrendo. Como o roqueiro tem medo de voar, ele pega um barco. A viagem vai ser demorada mas tudo bem, por conta de seu modo de vida ele se tornou a ovelha negra da família, ninguém vai recebê-lo de braços abertos.
Ao chegar na América, ele descobre que está atrasado, seu pai já morreu. Antes de voltar pra casa, ele faz uma descoberta. Seu velho esteve num campo nazista durante a segunda guerra e foi torturado por um nazi que ainda está vivo, ele passou seus últimos anos procurando o tal cara, que agora está escondido nos isteites. 
Sean resolve atravessar o país para encontrar esse homem, só assim seu pai poderá descansar em paz. O filme tem drama e comédia nas doses certas. Sean Penn, todo maquiado, nem precisa abrir a boca para nos fazer rir em alguns momentos. Seu estilo gótico faz dele um peixe fora d'água, ele vai cruzar com muitas pessoas diferentes durante sua jornada e vai ter tempo de sobra para refletir sobre sua vida.


FICHA TÉCNICA

TITULO ORIGINAL: this must be the place
ANO: 2011
PAÍSES: itália, frança e irlanda
DURAÇÃO: 118 min
DIRETOR: Paolo Sorrentino
ELENCO: Sean Penn, Frances McDormand, Judd Hirsch, Eve Hewson e Kerry Condon.

ESTREIAS DA SEMANA


Gorete, popular apresentadora de rádio, recebe a inesperada herança de seu pai, há anos ausente em sua vida. Mas ela só poderá tomar posse do dinheiro sob uma condição: casar-se. O que poderia ser o sonho de qualquer mulher é, entretanto, o pesadelo da caricata Gorete, que permanece apaixonada por seu grande e perdido amor de infância.



A história de Elsa, uma romântica que sonha encontrar um amor para recriar a famosa cena da Fontana di Trevi de "A Doce Vida" e Fred, um homem pacato, ainda desacostumado com a recente viuvez.



Com Ricardo Darín, o thriller argentino conta a história de um pai que sempre aposta uma corrida com os filhos para ver quem chega primeiro ao térreo, do sétimo andar – ele de elevador; as crianças pela escada. Um dia, elas desaparecem durante a brincadeira.



Um dia na vida de Théo, um arquiteto em São Paulo. A partir do momento em que o sol nasce até o novo nascer do sol. Um dia um tanto especial. Pela manhã Théo vai ao funeral de um querido amigo de infãncia. Durante o dia Théo vai lembrar do amigo e quem sabe através dos pequenos gestos cotidianos, se redescobrir.



Um ex-assassino resolve sair da aposentadoria para ir atrás dos gangsters que lhe tiraram tudo.



"Irmã Dulce" narra a vida da religiosa baiana que dedicou a vida aos pobres, enfrentando as regras da Igreja e exigindo ajuda de políticos.

 PRÓXIMAS ESTREIAS:

À procura
As aventuras de Paddington
As aventuras do avião vermelho
Caçada mortal
Homens, mulheres e filhos
Quero matar meu chefe 2
Uma noite de crime: anarquia
V/H/S viral

26/11/2014

JASON VOORHEES E OS HOMENS DE SUA VIDA

 SEXTA FEIRA 13 parte 1
Olha só o Kevin Bacon
não se deve fazer sexo nesses filmes.


 Existe um filme onde calamidades acontecem quando o 
Kevin Bacon faz sexo com uma moça, não me lembro do título.

 Pegando um sol


 Bela sunga.

 Hey, são os anos 1980.


 SEXTA FEIRA 13 parte 2
 Mais sexo proibido


 Dois pelo preço de um.


SEXTA FEIRA 13 parte 3
Esse cara era bonitinho.


 Sexo proibido.

 A punição.

 Não sei como isso foi possível.


 SEXTA FEIRA 13 parte 4
nudez masculina



banhos também são proibidos

 SEXTA FEIRA 13 parte 5


BU !!!


SEXTA FEIRA 13 parte 6
esse pessoal não aprende


SEXTA FEIRA 13 parte 7
ele só queria sossego

SEXTA FEIRA 13 parte 8
vale a pena visitar NY

 SEXTA FEIRA 13 parte 9
yey, nudez masculina





JASON X
ninguém vai deixar essa espaço nave vivo.

ANTOLOGIA DE MOMENTOS ÍNTIMOS

 Jude Law e Ewan McGregor

 Alexander Skarsgärd

 Alex Pettyfer

 Gael Garcia Bernal

 Donald Faison

 Josh Hartnett

 Paul Rudd

 Colin Firth

 Zéquinha Efron

 James Franco

 Kevin Zegers

Ok, chega, esse post tá cheirando mal.

GALERIA DO TERROR


Filmes de terror com finais surpreendentes não são novidade (olha só ''as diabólicas'' em 1955). Mas em 1999 pintou um filme que fez tanto sucesso que os clones começaram a surgir em tempo recorde. Acho que OS OUTROS foi o primeiro clone de ''o sexto sentido''. Ele foi lançado em 2001 e segue a mesma linha, um terror com uma reviravolta barra revelação chocante no final. Quem já viu os dois filmes, sabe até que ponto os finais são parecidos.
Ainda assim, o filme estrelado por Nicole Kidman é bem interessante. É um filme sobre uma casa mal assombrada, você nem vai pensar no Bruce Willis. 
Nicole vive num casarão com os dois filhos, esperando pelo retorno do marido, que foi para a guerra (a segunda mundial). As crianças não podem ser expostas ao sol, e por causa desta doença, todas as janelas da casa estão cobertas. Por alguma razão, que o filme não explicou muito bem, Nicole sempre fecha cada porta da casa ao passar. Ela está contratando uma nova equipe de empregados que precisam ser devidamente treinados para o bem das crianças. Aí começam as aparições, existem fantasmas dentro da casa.
A tal da grande revelação no final é quase ''além da imaginação'', mas deixa uma ponta solta, ou não?. É impossível falar sobre isso agora sem soltar spoilers, preciso ver esse filme mais uma vez.














FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: the others
ANO: 2001
PAÍSES: eua, espanha, frança, itália
DURAÇÃO: 101 min
DIRETOR: Alejandro Amenábar
ELENCO: Nicole Kidman, Christopher Eccleston e Fionnula Flanagan
PRÊMIOS: indicado para o Globo de Ouro de melhor atriz.