28.7.17

em cartaz - DUNKIRK


Melhor filme de guerra ever? Vai ganhar uma porrada de Oscars no ano que vem? De onde saiu esse povo? Que filme é esse? Pra mim, foi como ver Sofia Coppola dirigindo o resgate do soldado Ryan. Eu acho que o diretor queria passar realismo, não existem exércitos digitais (são centenas de figurantes), foi filmado com câmeras iMax 70mm pra colocar você dentro do filme (estamos no Brasil, isso não vai rolar pra muita gente) e nada de cenas violentas ou eletrizantes, até a batalha aérea, com o Tom Hardy, é bem tranquila. O filme só ''levanta da cama'' na segunda metade.


- Que legal, aí vem bomba !!!
ah, esses figurantes...


Dunkirk é um evento pouco conhecido da Segunda Guerra Mundial. Hey, já virou filme uma vez. E esse filme, de 1958, acaba de ganhar um dvd br no embalo (e o velho título ''Donquirqui'' virou DUNKIRK no dvd pra você não se confundir). O exército aliado, uns 400 mil homens, foram cercados pelos alemães na cidade de Dunkirk. Tá todo mundo na praia, 90% do filme se passa na praia, esperando pelo resgate, não tem barco pra todo mundo e os alemães, vez ou outra, passam voando pelo local, descarregando bombas nas pessoas e nos navios. O filme começa com pressa, não fica apresentando os personagens, há poucos diálogos, a gente não sabe muita coisa sobre os caras. Três deles estão na praia tentando deixar a cidade pelo mar. Outros personagens estão na Inglaterra, preparando um barco para atravessar o canal da Mancha e resgatar o máximo de soldados em Dunkirk. A trama fica mais movimentada após 60 minutos de filme, mas o final meio que se arrasta, tentando gerar drama. 
Dunkirk é um filme de guerra para iniciantes. O visual é legal, tem uns momentos de tensão também. Mas não se trata de um filme imperdível ou memorável.













FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: idem
ANO: 2017
PAÍSES: reino unido, holanda, frança, eua
DURAÇÃO: 1h 46min
DIRETOR: Christopher Nolan
ELENCO: Fionn Whitehead, Aneurin Barnard, Barry Keoghan, Harry Styles, Mark Rylance, Jack Lowden e Tom Hardy
ESTREIA BR: 27 de julho


NA POLTRONA

10 min - sangue e areia
30 min - deixando a praia
1 hora - de volta à praia

2 comentários:

Fernando F disse...

Ahahahahah vc é melhor! Todo mundo cagando amor pelo filme e pra vc i. Peido ta bom

Anônimo disse...

O visual é maravilhoso e toda a estrutura de ser uma guerra interrupta é incrível, talvez o filme de guerra mais imersivo desde guerra ao terror. Finalmente Nolan fez um filme sem explicar cada ação dos personagens. O oscar vem!