22.7.17

CHP CULT


O ano era 1988 e os filmes ainda eram mágicos, divertidos e memoráveis. Ninguém se preocupava com explicações lógicas, a magia simplesmente rolava solta. Contos de fada urbanos estavam por toda parte, parecia que qualquer um de nós poderia se deparar com uma máquina sobrenatural a qualquer momento, e qual seria o seu pedido?
QUERO SER GRANDE foi um sucesso. Hoje a gente fala dos recordes conquistados pela diretora do filme da Mulher Maravilha, mas foi Penny Marshall a primeira mulher a dirigir um filme que rendeu mais de 100 milhões nas bilheterias. E o filme ainda foi escrito pela irmã do Steven Spielberg. Ele virou HQ, virou musical e concorreu ao Oscar de melhor ator (Tom Hanks) e roteiro original.
O filme tem um making of interessante.
O garotinho David Moscow gravou todas as cenas do filme, como criança e como adulto. Depois o Tom Hanks assistiu as cenas do garoto, imitando um adulto, para saber como deveria se comportar.
 

2 comentários:

Raphael Santos disse...

Amo esse filme, na verdade foi com ele que eu me descobrir minha primeira paixão foi o Tom Hanks.

Anônimo disse...

A parte que eu mais gosto é no inicio quando uma das primeiras coisas que ele faz é olhar pro pinto xD