7.12.16

PÉSSIMA ADAPTAÇÃO BOA


''Assassin's creed'' tá chegando. O filme quer acabar, de uma vez por todas, com aquela maldição dos games adaptados para o cinema (filmes adaptados para os vídeo games também sofrem dessa maldição). Ok, desde o primeirão, aquele Super Mário de 1993, a gente já viu uma coletânea absurda de adaptações ruins. Alguns filmes até que se salvam no quesito ''adaptação'', agradando os jogadores, mas quem não conhece o game ... paciência. Alcançar esse equilíbrio e agradar todo mundo é uma coisa complicadíssima. 
Os games desta lista ganharam adaptações legais, mas não conseguiram agradar o povão.



PRÍNCIPE DA PÉRSIA (2010)
Eu adoro esse filme, não consigo encontrar defeitos nele. É uma divertida aventura. Foi lançado junto com ''The forgotten sands'', com o mesmo figurino,  e a adaga com a areia do tempo está no filme. 
O problema está no custo da produção, foi um filme caro demais. Quando se gasta 200 milhões num filme, só uma bilheteria de 600 mi salva.


MORTAL KOMBAT (1995)
O filme enche linguiça com as sequências de luta. Mas, durante um bom tempo, foi a melhor adaptação já feita, a história do game está toda no filme (MK 1 e 2), as mudanças foram poucas. Christopher Lambert arruma tempo para contar a história do torneio milenar, ele não leva a coisa muito a sério, mas tudo bem. O filme foi um sucesso na época mas as péssimas sequências enterraram a franquia.
 

TOMB RAIDER, A ORIGEM DA VIDA (2003)
Consegue ser melhor que o primeiro filme porque deixa de lado toda aquela baboseira de pai e filha (e o robô gigante). Lara Jolie vai até a África para procurar a caixa de Pandora. No meio de tantas sequências de ação, temos um Gerard Butler esbanjando gostosura.
O maior pecado do filme é o final bobinho, nem o final alternativo (dvd) vale a pena.
 

RESIDENT EVIL 4, RECOMEÇO (2010)
Ainda é o meu RE favorito. Alice não é mais uma deusa, ela perdeu seus poderes. Temos milhares de zumbis cercando uma prisão, onde os protagonistas estão ilhados. O plano é fugir da prisão e chegar até um navio lá no porto. É o filme que mais se aproxima dos games (ou de George Romero). Tem Chris e Claire Redfield, o bonitão Boris Kodjoe, e o monstro do machado.


TERROR EM SILENT HILL (2006)
Eu não vi esse filme. Mas meu namorado jogou o game e viu o filme, e ele disse que é uma ótima adaptação. O personagem principal deixou de ser um homem, no filme é uma mulher, fora isso tá tudo nos conformes.



HERÓIS DA GALÁXIA, RATCHET E CLANK (2016)
De novo, meu namorado jogou o game e viu o filme. Ele adorou. Segundo ele, o filme conta a origem dos personagens, mostrando como os dois se conheceram. Ou seja, é uma história original.



FINAL FANTASY (2001)
De um jogo para o outro, personagens e mundos inteiros mudam bastante. Quase dá pra dizer que o filme é um FF apenas no nome. Mas se trata de um ótimo filme de ficção científica, chupando um pouco do alien do James Cameron. O filme apresentou técnicas revolucionárias enquanto a Pixar ainda estava criando bichinhos coloridos (e o capitão Gray é o pedaço digital de mau caminho que você quer ver saindo do seu computador numa noite de tempestade). O filme custou uma fortuna, precisava render dois "Príncipe da Pérsia'' para obter lucro.

5 comentários:

Kayo Ewing disse...

Falando em Residentes evil, vc não vai assistir esse último Anjos da Noite não?
Eu simplesmente detestei, agora só considero os três primeiros!

ALESSANDRO SKYWALKER disse...

eu ia ver o filme na estreia, mas meu namorado não tava a fim. tenho os outros quatro filmes em dvd, acho que vou esperar pelo dvd desse último filme também, conheci a franquia toda em dvd.

Anónimo disse...

Nuss, essa primeira foto dá vontade de ver Assassin's Creed mesmo se o filme for ruim. hehe.

Francisco Almeida disse...

Infelizmente o filme se passará apenas 35% do tempo no passado, o restante vai se passar no presente (a parte menos legal dos jogos). Mal sinal.

Anónimo disse...

Silent Hill é um filme muito "bonito"! Arte incrível! A história não é muito boa, mas vale a pena.