24.5.16

DÊ UMA CHANCE PARA ...


Sim, dê uma chance. Porque muita gente resolveu ignorar o filme após o Oscar de 1999. A VIDA É BELA é de 1997, estreou atrasadíssimo no Brasil. Teve que receber sete indicações ao Oscar para chamar a atenção de alguma distribuidora.
Ah, o Oscar de 1999 ... um dos mais odiados barra estranhos. Quem vai levar o prêmio principal? ''A vida é bela'' ou ''O resgate do soldado Ryan''? Talvez ''Além da linha vermelha''. Mas nãããooo. ''Shakespeare apaixonado'', quem esperava por essa?

E na lista dos filmes estrangeiros estava ''Central do Brasil''. Eu li a sinopse, eu vi o trailer. Depois vi que o filme era completamente diferente daquilo que havia sido anunciado. Era tão tosco que eu devo ter parado de ver na metade, ou nem isso. Apenas não consegui ver aquela coisa até o final. Como esse filme conseguiu uma indicação ao Oscar é outro dos mistérios desta cerimônia bizarra de 1999. Eu estava torcendo por ''A vida é bela''. ''Tango'', um filme argentino, também era muito bom. ''Filhos do paraíso'' era melhor ainda.

O filme de Roberto Benigni não levou o Oscar principal mas ganhou o de melhor filme estrangeiro. Fiquei satisfeito. Só não achei que merecia o Oscar de melhor ator. Estava torcendo por Ian McKellen ou Edward Norton. Enfim, ''A vida é bela'' roubou o Oscar do Brasil, todos diziam isso no dia seguinte. Eu já tinha visto ''A vida é bela'', sabia que ''Central do Brasil'' não tinha a menor chance. Eu acho o filme lindo, até chorei no final. Ele força um pouco a barra ao mostrar um pai que encena uma espécie de gincana para que o filho não perceba que eles estão num campo de concentração. É meio surreal mas encanta.

6 comentários:

ALESSANDRO SKYWALKER disse...

O meu Oscar de 1999

FILME
A vida é bela

DIRETOR
Spielberg (o resgate do soldado Ryan)

ATOR
Ian McKellen (deuses e monstros)

ATRIZ
Cate Blanchett (Elizabeth)

ATRIZ COADJUVANTE
Kathy Bates (segredos do poder)
Eu adoro Judi Dench, mas ela aparece num filme por 8 minutos e leva um Oscar?

Rafael Caribe disse...

Sorry, mas voce deveria dar uma nova chance a Central do Brasil, um dos filmes mais lindos que ja vi. Chamar de tosco é sacanagem. Não sou nem super nacionalista, mas Central do Brasil venceu o globo de ouro, berlim, ta na lista dos 1001 filmes para ver antes de morrer e muitas outras coisas e nd disso foi a toa. Fernanda estar maravilhosa, sim, e merecia ter ganho, mesmo Cate Blanchett e Meryl Streep estando ótimas naquele ano, assim como Emmanuele Riva merecia por Amor. Gregory Peck mesmo disse que "nunca superou a atriz formidável que era Fernanda perder para aquela menina". Enfim, me pareceu uma implicância boba sua - mas, claro direito seu -, pq a personagem da Fernanda é bem diferente do que se espera. Ela é grossa e antipática, sim, mas no decorrer do filme desvendamos ela completamente e assim como vc chora com A Vida é Bela eu sempre choro de morrer com o final de Central do Brasil, que amo demais, sim, e sei de MT gente que ama tbm. E, convenhamos, mesmo A Vida é Bela sendo o belo filme que é, quem é Roberto Beleguini na fila do pão hj em comparação a Walter Salles e Fernanda Montenegro? E o oscar de ator foi roubabadaço; Edwardo Norton e Ian McKellen anos luz a frente.

Anónimo disse...

Acho que você deveria sentar a bundinha peludinha numa cadeira e ASSISTIR 'Central do Brasil'. Esqueça as disputas e assista o filme.
Não é ver, é assistir de fato, deixar-se levar para aquele universo e sentir tudo que ele tem a te oferecer.

TJ disse...

haha
bundinha peludinha!
Também sou fã de Central do Brasil.

Leirson disse...

É peludinha, a bundinha? :o <3

Marcelo Donis disse...

to com Rafael nos comentários e o seu namorado gosta ou não do central do Brasil Alessandro e ele pode revelar se é bundinha peludinha rsrsrssr...