10.1.16

CHP CLASSIC


Que venham as pedradas, eu vou comparar Liz Taylor com Winona Ryder, ou seria o contrário? Ela(s) atua num filme ao lado de um cara bonitão e já arruma casório. Eu vi um documentário sobre homossexuais da era de ouro de Hollywood, Elizabeth Taylor aparece falando sobre Montgomery Clift. Ela se apaixonou pelo cara (quem nunca?), mas não ficou com ele por ''questões delicadas''. Ora, nos bastidores, todo mundo sabia da sexualidade do rapaz. Logo, UM LUGAR AO SOL, é um dos filmes onde Liz Taylor não ficou com o mocinho no final.

George (Clift) é um rapaz humilde e ambicioso. Ele arruma um emprego na fábrica de um tio cheio da grana e começa a trilhar um caminho para um futuro profissional bastante promissor. Aí, ele se apaixona por uma funcionária chamada Alice (Shelley Winters).
O tempo passa e George começa a frequentar a alta sociedade. Ele conhece uma moça rica chamada Angela (Taylor) e se apaixona por ela. Alice não aceita o fim do namoro numa boa, ela descobriu que está grávida e agora quer se casar com ele.
Isso vai atrapalhar os planos de George. Ele leva a moça numa viagem com a intenção de convencê-la a fazer um aborto. Acidentalmente, Alice morre afogada e George fica desesperado. Ele é inocente, mas faz de tudo pra esconder o ocorrido, quem vai acreditar na sua versão da história? Ele pode pegar pena de morte. 
O filme é baseado num livro baseado em fatos reais e o final é controverso.













FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: a place in the sun
ANO: 1951
PAÍS: eua
DURAÇÃO: 122 min
DIRETOR: George Stevens
ELENCO: Montgomery Clift, Elizabeth Taylor e Shelley Winters
PRÊMIOS: vencedor de 6 Oscars (diretor, roteiro, fotografia em preto e branco, figurino em preto e branco, edição, trilha musical)

2 comentários:

Anónimo disse...

♥♥♥ mais um filme dos dois que é maravilhoso

Ele é meu sonho de consumo, me guardo virgem esperando ele voltar e casarmos kkk

Aécio Sales disse...

FANTÁSTICO !

Fotografia espetacular, atores incríveis e excelente direção...

Clássico que adoro e já vi dezenas de vezes...