22.3.18

livro - JOGADOR N°1


O filme tá chegando. Devorei o livro em poucos dias, eu adorei. E agora tô achando que não vou gostar muito do filme. E não vai ser culpa do Spielberg não. Acontece que o livro traz inúmeras referências a filmes, games, seriados de tv ... é impossível um estúdio conseguir todas as licenças. A Disney, por exemplo, não cedeu Star Wars, e tem muito Star Wars no livro. E também seriados japoneses clássicos, não sei se isso vai ser possível. É claro que, tirando as homenagens, sobra ainda uma história bem interessante.

Num futuro próximo, num mundo onde as pessoas passam fome e a crise de energia é um problemão, muita gente vive conectada no OASIS. O programa começou como um MMO e se tornou um universo virtual com milhares de mundos, com escolas e até escritórios, as pessoas não saem mais de casa. Quando o criador do OASIS morre, pinta um testamento do cara dizendo que toda a sua fortuna será doada para aquele que encontrar um easter egg no mundo virtual. Três chaves, escondidas em algum lugar, abrem três portões, também escondidos. Como o programador era apaixonado pela década de 80, todos os enigmas envolvem os anos 80. Isso faz a década de 80 voltar a ser moda no futuro.
O adolescente Wade sabe tudo sobre os anos 80 e sobre o criador do OASIS, ele é um dos milhares de caçadores de ovos espalhados pelo mundo. Sua vida muda completamente quando ele descobre a localização da primeira chave. Ele se torna uma celebridade e passa a ser perseguido por membros de uma empresa do mal que quer botar as mãos no OASIS.
Bem, boa parte da trama se passa dentro do OASIS. Isso significa que o filme tem que ter mais sequências animadas (com avatares) do que sequências com atores reais. Espero que o filme venha na dosagem certa.


FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: ready player one
ANO: 2011
AUTOR: Ernest Cline
PÁGINAS: 462
EDITORA: leya




Sem comentários: