25.8.17

netflix - DEATH NOTE


Hollywood não aprende mesmo, não é? Sempre que tentam adaptar um anime ou mangá, fazem besteira. Não sei a razão, mas eu meio que tava apostando nesta versão americana de ''Death Note''. O mangá é incrível, o anime também, é tudo perfeito, o que poderia dar errado? Antes do filme estrear, eu e meu namorado fizemos uma maratona do anime, tenho todos os episódios em dvd. Aí caímos de cara no filme da Netflix. Wow, que decepção. Bem no estilo ''premonição'' barra ''qualquer outro terror norte americano com adolescentes burros''. Death Note não merecia uma adaptação tão ruim.
Bom, se você não conhece o material original, você pode até gostar do filme, sei lá. Mas se não gostar, não culpe o original japonês, dê uma chance - o anime já ganhou dvd br e o mangá também já foi publicado por aqui.





O filme não dá muitas explicações, ele prefere dizer "o caderno tem regras demais, então não vamos perder tempo com elas''. Entra em cena uma garota do tipo ''Megan Fox estou aqui só pra exibir o corpinho'', que faz o Light de bobo enquanto ele é caçado por um L com hipersensibilidade emocional, ou seja, os personagens são outros. Tá tudo diferente, é uma adaptação, não uma cópia, mas pode ofender os fãs (e, pela recepção que ganhou, já ofendeu muitos deles). Eu vou esquecer esse filme amanhã, beleza?



1 comentário:

Unknown disse...

Nunca lí o mangá mas ví o anime o qual gosto demais... é como você disse se alguém não conhecer o anime pode até ser que engula o filme, mas da trama só estão os nome Ryuk, a maçã, Light, L e o caderno Death Note de resto nem as personalidades nem as histórias dos personagens foram respeitadas... triste!