1.3.17

DÊ UMA CHANCE PARA ...


Esse é o filme mais insuportavelmente infantil do diretor Garry Marshall (hey, é Disney), cheio de piadas fraquinhas que não funcionam e a trama se arrasta por falta de conteúdo. O DIÁRIO DA PRINCESA 2, CASAMENTO REAL (2004) é bem diferente do primeiro filme, de 2001, tem um clima diferente e investe mais na fantasia. Mas você vai curtir o filme de qualquer jeito, tem o Chris Pine, tem a Julie Andrews cantando (pela primeira vez, num filme da Disney, desde Mary Poppins) e, embora não seja um filme de super heróis da Marvel, tem Stan Lee numa pontinha !!!

Cinco anos separam as histórias dos dois filmes. Mia precisa se casar em 30 dias para não perder o trono de Genóvia para o Chris Pine. As leis do país não permitem que uma rainha solteira governe e Pine é um herdeiro legítimo do trono. O único jeito é um casamento arranjado, ela precisa escolher um príncipe (não homossexual, essa piada foi boa). Enquanto isso, John Rhys-Davies tenta sabotar a princesa para colocar o sobrinho Chris Pine no trono. Essa sequência é aquele tipo de sequência que não supera o filme original, a pessoa pode detestar e dizer que se trata de uma sequência desnecessária (hey, já foram publicados mais de 10 livros) ou pode gostar dizendo apenas que é engraçadinha, para se ver ao lado de uma criança, só não é memorável.
 

Sem comentários: