15.4.16

em cartaz - AVE, CÉSAR!


Não é a melhor comédia dos irmãos Coen, mas vale uma espiada por várias razões. O filme tá cheio de nomes famosos, alguns astros aparecem rapidamente (quase não reconheci o Christopher Lambert). O filme se passa nos anos 1950 e tem uma bela direção de arte e figurinos. E a trama ainda revela os bastidores da era de ouro de Hollywood, acompanhamos atores, diretores e produtores, no dia a dia de um fictício estúdio chamado Capitol Pictures. Seria o maior barato, e um tanto caro, se esse filme fosse transformado num seriado de tv.


Tatum, um dia em NY


Eddie Mannix (Josh Brolin) é o personagem principal do filme. Ele é o manda chuva do estúdio. O Capitol está produzindo vários tipos de filmes ao mesmo tempo. Dois musicais, um com a Scarlett Johansson e outro com o Channing Tatum. O diretor Laurence Laurentz (Ralph Fiennes) está tentando dirigir um drama estrelado por Hobie Doyle, um ator que faz muito sucesso em filmes de cowboys, e o sotaque caipira dele está prejudicando o filme. O maior astro do estúdio é Baird Whitlock (George Clooney), que está filmando um épico chamado ''Ave, César''. Mannix não para de trabalhar um minuto sequer, quase não tem tempo para sua esposa e filhos. As coisas ficam mais complicadas quando Whitlock é sequestrado durante as gravações do épico. Eddie precisa manter o sequestro em segredo e ainda tem que lidar com duas irmãs bisbilhoteiras (Tilda Swinton 2x), uma delas diz ser uma jornalista séria, a outra publica fofocas de celebridades. Os filmes da Capitol não são 100% originais, a gente pesca um easter egg aqui e ali.













FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: hail, Caesar!
ANO: 2016
PAÍSES: reino unido, eua, japão
DURAÇÃO: 1h 46min
DIRETORES: Ethan Coen, Joel Coen
ELENCO: um monte de gente
ESTREIA BR:  14 de abril

Sem comentários: