23.2.16

O EGITO SEGUNDO HOLLYWOOD


Não estou nem um pouco animado com a estreia de DEUSES DO EGITO. Muita gente se lembrou do desastroso remake de ''fúria de Titãs'' assim que viu o primeiro trailer. Roliúdi já massacrou a mitologia grega diversas vezes, a mitologia egípcia não vai se salvar, é um terreno pouco explorado e pouco conhecido. A platéia não vai ficar corrigindo o filme a todo momento. Eu vou tentar ignorar muita coisa, para evitar uma dor de cabeça. Afinal, o que Roliúdi sabe sobre o Egito?


Nem brancos, nem negros
Brancos eram os europeus lá no norte, negros eram os núbios lá no sul. Os egípcios, no meio do caminho, tinham a pele dourada. Num tom de chocolate.


Na mega sena
De todas aquelas pragas absurdas, a que mais me diverte é a praga dos sapos. No antigo Egito, encontrar um sapo era visto como sinal de boa sorte. Imagine vários deles caindo do céu.


Escravos
Nada de escravidão no antigo Egito. A lei da deusa Maat, a deusa da ordem cósmica, proibia a escravidão. Prisioneiros de guerra se tornavam lacaios (não é aquela versão de ''escravidão'' que temos hoje), eles recebiam uma grana e podiam comprar sua liberdade e até voltar pra casa após o fim da pena. Poucos voltavam, eles arrumavam uma esposa e ficavam no Egito, se apaixonavam pelo país.


Irmãos à parte
Casamentos entre irmãos aconteciam na realeza. Mas só para manter o poder dentro de uma mesma família, não rolava sexo, eram apenas casamentos simbólicos, só no papel (ou papiro). Entre o povão rolava muita confusão (para nós), não haviam palavras como ''marido'' e ''esposa'', os casados usavam palavras como ''irmão'' e ''irmã''. É daí que vem todo aquele mal entendido.


Deuses
Havia um de pele escura, como a noite. Outro de pele azul, como lápis lazulis. Mas a maioria tinha a pele feita de ouro, literalmente. E seus ossos eram de prata. Um Gerard Butler barbudo nem pensar.


Quem?
Imhotep foi o arquiteto da primeira pirâmide, uma com degraus. Ficou famoso. Com o passar dos séculos começou a ser adorado como um deus, nesse caso, um deus dos arquitetos. Sua pirâmide ainda está em pé.




 






Megalomania
Calma aí, o Faraó ficava com apenas 10% dos impostos arrecadados. O restante voltava para o povo. Havia até um fundo de emergência para o caso de uma colheita ruim. O sistema de governo era impecável e justo. As mulheres tinham os mesmos direitos que os homens. Um homem poderia pegar pena de morte se violentasse uma mulher, mas como os deuses não curtiam execuções, o acusado tinha que cometer suicídio tomando veneno.

Sem comentários: