2.2.16

chp apresenta






SEX AND THE CITY 
EDIÇÃO ESPECIAL


Eu estava na locadora do meu ex namorado do mal número 2 quando uma moça apareceu querendo alugar vários discos de ''sex and the city''. Ela viu o seriado, adorou e recomendou para as amigas. Estava querendo fazer uma maratona em casa. Ela disse ''essa série é demais. Parece a nossa vida. Tudo aquilo que já passamos com os homens está aqui. Não tem como a gente não se identificar''. O seriado parecia uma espécie de estudo do doutor Kinsey sobre a sexualidade da mulher moderna. 
Mas não havia pesquisa alguma. 
Em 1994, a jornalista Candace Bushnell começou a escrever uma coluna no ''The New York Observer'' chamada ''O sexo e a cidade''. Contando as experiências de suas amigas com os homens. Era tudo real. A coluna virou livro, em 1996, o livro virou seriado de tv, em 1998, e muita gente gostou. A série estava tocando num assunto muito pouco explorado pela tv (até mesmo pela Oprah). Curiosamente, lá estavam os gays, ao lado das donas de casa, idolatrando essa série memorável.
Eu já sabia do sucesso da série nos isteites antes da estreia no Brasil. Então, lá estava eu, esperando pelo primeiro episódio da primeira temporada no canal Multishow. E fiquei por lá, religiosamente, pelos próximos seis anos. Acabei quebrando a cara por conta do atraso nas exibições. No canal da Sony, num episódio de ''Will & Grace'', dois personagens comentaram o episódio final da série. Que só chegaria ao Brasil dois dias depois. Fiquei revoltado. Mas então, Carrie ficou com o Mr Big no final, isso era realmente um spoiler?



O LIVRO (1996)

Eu comprei o livro em 2003. O seriado já estava na quinta temporada e isso fez o livro parecer estranho demais. Carrie está lá, Samantha, Miranda e Charlotte também. Mas as personalidades (e a aparência física) são outras. Deu pra notar que o seriado pegou personalidades distintas e depois tirou os nomes do livro. No livro, Charlotte se comporta como a Samantha do seriado em alguns momentos. Carrie aparece bastante mas o livro não gira ao seu redor. Há muitos personagens, vários deles são homens. O seriado deixou muuuita gente de fora.
O livro que comprei é a segunda edição. Traz a SJP na capa e dois capítulos a mais no final, dando um desfecho para a história de Carrie e Big.

Em 2010 pintou um prequel, ''Os diários de Carrie''. Vemos a protagonista ainda na escola, nos anos 1980. Não sabemos quem é a tal Carrie (pseudônimo) que Candace Bushnell menciona no primeiro livro, desta vez a autora usou apenas o nome para criar uma história original.
O prequel virou seriado de tv em 2013 mas durou apenas 26 episódios. Samantha Jones apareceu em 13 episódios.
Em 2011 foi lançado mais um livro, ''O verão e a cidade'', a continuação de ''Os diários de Carrie''. Na trama, Carrie se muda para NY após a formatura e encontra sua amiga Samantha. Mais tarde ela conhece Miranda Hobbes.




O SERIADO DE TV (1998-2004)

Desenvolvido por Darren Star, o produtor de ''Barrados no baile'' e ''Melrose place'' (duas famosas séries dos anos 1990), o seriado começou trazendo um conceito interessante. Os personagens conversavam com a câmera, revelando seus desejos mais íntimos. Personagens coadjuvantes e personagens sem nome, em rápidas aparições, também faziam isso. O que importava era a confissão (destaque para a mulher que estava saindo com um surdo e fingindo que entendia a linguagem de sinais). A série abandonou esse modelo rapidinho e se concentrou mais no elenco principal, quatro mulheres conversando sobre sexo oral durante o brunch (ou sobre sexo anal dentro de um táxi (rsrs)).


CURIOSIDADES

Sarah Jessica Parker não topou fazer cenas de nudez e Kim Cattrall usou uma dublê de corpo em duas temporadas. Ela recusou o papel de Samantha Jones duas vezes. O namorado de Darren Star foi quem conseguiu convencer a atriz.

SATC foi o primeiro seriado de tv a cabo a ganhar um Emmy e um Globo de Ouro. Oito Globos no total ao longo da série - melhor série de humor, atriz (SJP) e atriz coadjuvante (Cattrall). Cynthia Nixon recebeu várias indicações. Kristin Davis e Chris Noth receberam apenas uma cada um.

O seriado fez um sucesso tão grande que surgiu até um tour por NY onde os fãs podiam visitar as locações que apareciam na série.

Na quarta temporada (2001-2002), no 12º episódio, as torres do World Trade Center foram retiradas da abertura do seriado.

A quinta temporada teve apenas 8 episódios porque SJP ficou grávida (essa temporada também trouxe algumas tramas bem fraquinhas).

A atriz Cynthia Nixon ficou grávida durante a quarta temporada.

E Matthew McConaughey pegou um papel na terceira temporada que havia sido escrito para Alec Baldwin. Warren Beatty também disse ''não'' e George Clooney tava sem tempo.

Apenas a família de Samantha não aparece no seriado. O pai de Carrie é visto numa foto, isso conta? E o pai de Charlotte ''apareceu'' em seu primeiro casamento.



CARRIE BRADSHAW 
(SARAH JESSICA PARKER)

Carrie chegou em NY no dia 11 de junho de 1986, ela tinha quase 21 anos. Fez um aborto no ano seguinte. Com pouca grana, às vezes ela comprava uma Vogue, às vezes ela comprava o jantar. A fachada externa de seu AP fica num endereço caro da cidade (pisou na bola, produção) e a série se contradiz quando menciona há quanto tempo Carrie vive naquele AP.

Carrie começa a série trabalhando como colunista no ''The new York star''. Na quinta temporada pinta a ideia de reunir os melhores momentos da coluna em um livro. Mais tarde ela se torna freelancer e começa a escrever para a Vogue. Sabemos que seu pai abandonou a família quando ela tinha cinco anos e que ela perdeu sua virgindade numa mesa de ping pong. Fora isso, o seriado não fala muito sobre seu passado.

Ela não dispensa um cigarro (Marlboro Lights), mas parou de fumar durante a terceira e quarta temporadas, e adora Cosmopolitans. Apesar de ser ''pobre'', é louca por sapatos, principalmente Jimmy Choo e Manolo Blahnik.

E o seriado não poupou despesas na hora de vestir a personagem (Alexander McQueen, Anna Molinari, Balenciaga, Betsey Johnson, Bottega Veneta, Céline, Chanel, Chloé, Christian Dior, Christian Lacroix, Christian Louboutin, Diane von Fürstenberg, Fendi, Givenchy, Gucci, Heatherette, Helmut Lang, Hermès, Jean Paul Gaultier, Jeremy Scott, Judith Leiber, Jil Sander, Louis Vuitton, Lanvin, Marc Jacobs, Marni, Missoni, Miu Miu, Moschino, Prada, Oscar de la Renta, Dolce and Gabbana, Roberto Cavalli, Sonia Rykiel, Tom Ford, Yves Saint Laurent, Vera Wang, Valentino, Versace, Vivienne Westwood, e por aí vai).

Ela teve quatro relacionamentos sérios durante as seis temporadas: Big, Aidan, Jack Berger e Aleksandr Petrovsky. E reencontrou cinco ex namorados.



CHARLOTTE YORK
(KRISTIN DAVIS)

Recatada, conservadora, família cheia da grana, rainha do baile na formatura, foi modelo na adolescência. A Charlotte da primeira temporada não reconheceria a Charlotte da última temporada. Ela é a personagem que mais passou por transformações. Charlotte queria romance, estava atrás do príncipe encantado, estava doida para se casar o quanto antes. Ela teve que abrir mão de muitos sonhos. Abandonou o sonho de ter sua própria galeria de arte quando se casou. Seu primeiro casamento foi um desastre. Ser mãe se tornou um tremendo desafio para ela. Nada estava saindo como ela imaginou quando criança. O homem perfeito para ela acabou pintando, ele não tinha muito cabelo mas ela estava finalmente feliz. Parece que arrumou um trabalho no último episódio da última temporada, porém, nos filmes ela aparece como uma dona de casa.
Charlotte conheceu Carrie em 1987, um ano antes de Samantha e Miranda.

Ela se casou duas vezes no seriado, com Trey MacDougal e com Harry Goldenblatt, o advogado que cuidou de seu divórcio.



MIRANDA HOBBES 
(CYNTHIA NIXON)

Miranda também tinha tudo planejado. Se formou em Harvard em 1990 e se tornou advogada. Viciada em trabalho, ela não ia deixar nenhum relacionamento arruinar sua carreira. Sexualmente ativa, não tanto quanto Samantha, ela admitiu que dormiu com 42 homens (eu perdi a conta na casa dos 80 ...) e é a melhor amiga de Carrie. Nesse ponto o seriado se contradiz. É dito que Miranda estudou com Carrie e as datas não fazem sentido. Além disso, Miranda veio da Filadélfia. Durona e independente, ela se virou do avesso quando surgiu uma gravidez acidental, foi mãe solteira durante um tempo e nunca deixou a firma de advogados, conseguiu até se tornar sócia.

A atriz Cynthia Nixon deixou a comunidade GLBT indignada quando disse que, para ela, a homossexualidade foi uma questão de escolha. Se casou com outra mulher em 2012. Naturalmente loira, ela teve câncer de mama e fez um teste para o papel da agente Scully em Arquivo X.

Miranda teve 3 relacionamentos sérios, com Skipper Johnston, com o dr. Robert Leeds e com Steve Brady, com quem se casou.



SAMANTHA JONES
(KIM CATTRALL)


Samantha é a mais velha do grupo, 45 anos na sexta temporada. Sua mãe teve 3 filhos, seu pai era alcoólatra. Sua primeira relação sexual deve ter sido aos 13 anos (opa, ganhei dela). Nunca pensou em se casar, tem aversão a namoros e muitos fodamigos na agenda. Amiga fiel, nunca julgou ninguém. Não gosta de crianças, mas apoiou Miranda durante a gravidez indesejada. Não quer saber de relacionamentos, mas sempre incentivou Charlotte e ficou ao lado dela após cada rompimento. Age como se fosse a protetora das amigas (não chame ela de ''mãe'') e nenhum homem é o suficiente para ela, até que, de repente, ela se descobre apaixonada.

Samantha teve quatro relacionamentos sérios: James (ela achou que poderia se casar com ele. Foi adiando a relação sexual pra manter o clima sério e, quando rolou, descobriu que ele tinha um pau muito pequeno), Maria (na quarta temporada ela pegou a Sonia Braga), Richard (feio, mas ela disse que ele tinha o pênis perfeito. Foi o primeiro nu frontal do seriado e eu não vi nada de mais...) e James Jerrod (o relacionamento dos dois se estendeu até o primeiro filme e ele cuidou de Sam quando ela teve câncer de mama).

E por falar no primeiro filme...




E o segundo filme valeu a pena pelo Max Ryan






MR BIG
(CHRIS NOTH)

Quando Samantha apontou o cara para Carrie, ela o chamou de mister Big. Ele é um grande figurão em NY, empresário famoso, sempre nas colunas sociais. Carrie começou a chamá-lo de Big na frente das amigas, mas é claro que todo mundo sabia o nome do cara, menos a gente. O seriado resolveu transformar isso numa piada. Em quatro ocasiões diferentes, Carrie quase mencionou o nome de Big, porém, foi interrompida (1), ficou em silêncio (2), mudou de assunto (3) e até derramou café em cima dele antes de dizer o nome (4) de tão nervosa que estava.
O nome só foi revelado no último minuto do último episódio da última temporada. O sobrenome só pintou no primeiro filme.
Big começou o seriado encontrando e desencontrando Carrie. Depois começaram a namorar. Ele não queria nada sério, nada de casamento, já era divorciado e tal. Eles terminaram e Big deixou a série. Do nada, o cara volta completamente casado e acaba tendo um caso com Carrie. Na última temporada, nos episódios finais, o seriado resolveu apressar as coisas para garantir um final feliz.
Curiosamente, Big não costuma interagir com Miranda, Samantha ou com Charlotte no seriado. Só começou a ter longos papos com as amigas de Carrie no primeiro filme.



SEX AND THE CITY
OS FILMES
(2008-2010)


O casamento de Carrie e Big era o grande evento do filme. Aí o cara mudou de ideia, depois voltou atrás, foi bem estúpido (e olha que Michael Patrick King costumava escrever os episódios da série. Na hora de escrever um filme ele pisa na bola). Tem muito mais drama que comédia no filme. Carrie fica na fossa e Big tenta reconquistá-la. Depois ela percebe que, em parte, a culpa foi dela também. E o filme não escapou da maldição do ''episódio estendido''. Não tem cara de filme, são sete episódios de uma temporada fantasma que você viu no cinema, um atrás do outro. Se fosse na tv teria agradado mais.



O segundo filme resolveu investir na comédia. Começou com o mega exagerado casamento de Stanford Blatch com seu ex arqui inimigo Anthony Maratino. Depois o filme deixou os maridos de fora e levou as quatro protagonistas para Abu Dhabi (na verdade se trata de outro país. O governo de Abu Dhabi achou o filme picante demais e não deixou que ele fosse filmado por lá). Aí o pessoal aproveitou para criticar os costumes locais, ou seja, o modo como as mulheres são tratadas. Mais uma vez temos uma maratona de sete episódios. Mesmo que a ''cidade'' seja outra, o resultado final ainda não tem cara de ''filme''. O roteiro só acertou a mão ao trazer Aidan de volta, aquilo sim foi uma surpresa e tanto, pena que não foi muito longe. Os dois filmes são bem exagerados, na produção e no figurino (há muitos famosos fazendo aparições surpresas). Isso não faz um filme, baseado numa série de tv, merecer o sub título de ''o'' filme, apenas faz a gente ter saudades da simplicidade do seriado.




HOMENS HOMENS HOMENS

É claro que a gente tem que falar dos gostosões que passaram pela série, e de seus respectivos problemas. Já namorou alguém parecido?


KEVIN
Miranda deu muitas chances pro cara e até tentou entender o sujeito. E não teve jeito, Kevin era um cretino, com todo mundo, briguento e mal educado.


JON
Simpático, o sexo era ... diferente, o único problema com Jon era sua idade, vinte e poucos. Fez Samantha se sentir velha demais.


KEVIN (II)
Bonitão, deixou Charlotte na vontade. Tomava tantos anti depressivos que não conseguia fazer sexo até o final.


(???)
O pênis do cara era tão absurdamente grande, e fazer sexo com ele era impossível. Pobre Samantha.

SIDDARTHA
Sexo tântrico é legal, já fiz isso. Mas viver apenas disso não é legal. Samantha aguentou o quanto pôde e aí ...


O CARA DA YOGA
... ela pegou o cara da yoga. Topou fazer sexo com ela em dois segundos.


NED
Ned era o cara perfeito para Charlotte. Sua esposa havia acabado de morrer e ele, todo sensível, precisava de muito carinho. Pena que ele usava essa história com outras mulheres.


JAMES
Samantha encontrou o homem perfeito para ela, estava apaixonada. Aí descobriu que o pênis dele era pequeno demais. Tentou contornar a situação e não deu certo.



HARRIS
Ele mentiu dizendo que era médico. Tudo bem, Miranda também mentiu dizendo que era aeromoça. (olha, é o Clark Gregg)


CHIP
Preso pelo FBI enquanto fazia sexo com a Samantha. (olha, é o Victor Webster)


CHIVON
A família dele não aprovou seu namoro com a Samantha. A irmã dele era uma vaca.


VAUGHN
Bonitão, escritor, Carrie se apaixonou por sua mãe. Mas eles não conseguiam fazer sexo. O cara sofria de ejaculação precoce. (olha, é o Justin Theroux Aniston)


RICKY
Sam realizou sua fantasia de fazer sexo com um bombeiro. Depois descobriu que Ricky era único. Os outros não eram nada atraentes.


BRAD
Samantha curtiu o sexo, mas depois Brad disse que ela precisava se depilar e ela não aceitou o conselho numa boa. Tudo bem, Brad também foi depilado no final do episódio.


WARREN
Bom de cama. Porém, gosta de usar palavras infantis durante o sexo. Samantha não aguentou o tatibitati por muito tempo.


JOSH
Bonitinho. Miranda reconhece que o cara é muito gentil com ela. Só que ele não consegue fazê-la atingir um orgasmo, então ela começa a fingir.


MARK
Mostrou para Samantha os benefícios do viagra e ela ficou viciada.


STEVENS
Miranda nem acreditou quando o cara marcou um encontro com ela. Nervosa, ela bebeu bastante para criar coragem e o moço começou a pensar que Miranda era alcoólatra.


GARTH
Samantha é fã do cara. Seu pênis é usado como modelo para fazer consolos.


O FAZENDEIRO
A viagem de Samantha até o campo valeu a pena.


WESLEY
Samantha é uma grande amiga, mas não resistiu quando conheceu o irmão da Charlotte, isso é permitido entre as amigas?


SETH
Carrie tirou a sorte grande na sala de espera. Mas Seth estava fazendo terapia por uma boa razão. Após o sexo, Carrie descobre o problema do rapaz. Ele perde o interesse por uma mulher após o sexo... (olha, é o Jon Bon Jovi)


THOR
Ele depilou o púbis da Samantha em forma de raio. É um instrutor de academia. Se chama Thor. Ele faz aquele raio em todas as mulheres. Mas você bem que quer saber onde fica essa tal academia.


JAKE
Carrie não pode reclamar, Jake também é fumante. Mas ela é solteira e fabulosa ponto de interrogação? (olha, é o B-Coop)


O JARDINEIRO
Se Trey não tá satisfazendo a Charlotte na cama, a gente não pode culpar a moça por ficar secando o jardineiro, olha só pra ele !!!


JEREMY
Um ex namorado da Carrie que volta todo amoroso. Porém, ele passou os últimos anos numa instituição para doentes mentais, eu hein? (olha, é o David Duchovny)


SEAN
Infelizmente, bissexualidade não é a praia da Carrie (olha, é o Tag (Friends)


STEPHAN
Ele é um gay hétero ou um hétero gay? A parte masculina de Charlotte não estava evoluída o suficiente para contrabalancear com a parte feminina de Stephan.


JACK BERGER
Um dos relacionamentos sérios que Carrie teve no seriado. Jack não conseguiu segurar a barra quando a coisa foi ficando cada vez mais séria. Terminou com Carrie via post-in (olha, é o Ron Livingston)



AIDAN
Olha, é o John Corbett, já falei tudo. Eu não trocaria esse cara por nenhum Big.


SMITH JERROD
Final feliz pra Samantha, mas aí pintou o primeiro filme...


STEVE
Final feliz pra Miranda. Depois o cara virou bombeiro em ''Chicago fire'' (wow)


HOT GUY
Meu episódio favorito, é o mais divertido. O gostosão Jack Hartnett aparece peladão. Ele se veste e vai embora assustado. Isso porque Samantha está furiosa com o trio de travestis que está fazendo muito barulho em baixo de sua janela.

3 comentários:

Anselmo disse...

Belo trabalho, foi um grande apanhado de informações e tantos detalhes relevantes... Agora entendi o motivo do sucesso principalmente entre o público gay. Contudo a serie nunca me atraiu, vi no máximo dois episódios num quarto de hotel e ficou por isso mesmo, não vai ser agora que vou começar.
Pra quem curte foi uma Big (rsrs) edição, como sempre. Parabéns!!

Latinha disse...

Adorei o post, eu não acompanhei a série e também não entendia muito a razão de tamanho "barulho", digamos que seu post me ajudou a entender melhor agora kkkkk

Quem sabe uma hora dessas não revisito a série.

Muito legal.

Anónimo disse...

interessante mas por favor desabilita esse player que toda santa hora que eu venho ver as atualizacoes comeca a tocar automaticamente!!!