20.6.15

DÊ UMA CHANCE PARA ...


JUDAS KISS é um filme temático de 2011, ele conta uma história legal, meio sci-fi, não se vê muitos temáticos fazendo isso por aí. Mas você tem que tentar resgatar a mensagem do filme, porque a direção não é lá essas coisas e o elenco tá bem fraquinho. Ou seja, tente não culpar a trama pela parte técnica.
O filme conta a história de um cineasta fracassado, lindão, que volta até sua antiga escola para ser um dos jurados num festival de cinema. Há quinze anos, ele fez um filme que ganhou o prêmio nesse mesmo festival (o beijo de Judas), mas nem por isso sua carreira em Hollywood chegou a decolar.
Ao chegar na cidade, ele pega um garoto num bar gay e o leva pra cama. No dia seguinte ele descobre que o garoto está participando do festival. Aí vem o choque, o garoto também se chama Daniel Reyes, e o nome de seu curta metragem é ''O beijo de Judas''.
De alguma maneira, sem sair do presente, e sem maiores explicações, o cara voltou no tempo. Um velho misterioso lhe diz que ele precisa corrigir os erros de seu passado (fazer sexo com si mesmo tá liberado). Ele tem que tirar seu Eu mais jovem do festival porque foi nesse ponto que sua vida pegou o caminho errado. Mas o garoto não quer cooperar. Por conta da direção e do elenco apático, a revelação que pinta no final não chega a ser muito chocante. Mas o desfecho é satisfatório.


FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: idem
ANO: 2011
PAÍS: eua
DURAÇÃO: 94 min
DIRETOR: J.T. Tepnapa
ELENCO: Richard Harmon, Charlie David, Genevieve Buechner e Sean Paul Lockhart.
 

1 comentário:

Anónimo disse...

Sean Paul Lockhart A.K.A Brent Corrigan.....reconheci pela bunda ^^