29.4.15

DIGA ''SIM'' ÀS DROGAS


E aí acontece esse tal terremoto no Nepal e a primeira coisa que o senhor insensível aqui faz é se lembrar de um filme. Ora, XING XING WANG (''The Mighty Peking Man'' em inglês) começa exatamente assim. Nesta pérola de 1977, made in Hong Kong, um terremoto no Himalaia racha uma montanha ao meio e um (homem vestido de) macaco gigante aparece, saindo de dentro da montanha. Ele ataca uma vila local e mata todo mundo. Mais tarde, é descoberta uma pegada do bicho e alguns homens partem até o local para capturar a criatura.
A expedição passa por maus bocados, eles são atacados por uma manada de elefantes, são atacados por um tigre, um cara cai na areia movediça e outros despencam de um precipício. E assim, o personagem principal acaba se vendo sozinho na selva e ele dá de cara com o macacão. Então aparece uma mulher, loira e ocidental, que o salva, ela é a única pessoa que consegue controlar o bicho. Os dois começam a namorar e ele convence a moça a levar o gorilão até a civilização.
Não demora muito e ela percebe que cometeu um erro. Seu amigo peludo é acorrentado e levado de barco até Hong Kong. É curioso notar que, durante todo o filme, ninguém se deu ao trabalho de oferecer roupas decentes para a pobre moça, ela nunca abandona seu biquini das selvas.
Quando ela vê, pela televisão, que o gorila está sendo maltratado, ela vai até o estádio onde ele está sendo exibido ao público e tenta libertá-lo.
Solto pela cidade, o macacão começa a destruir várias maquetes. Não se pode julgar os efeitos especiais de 1977, mas a cena do tigre comendo a perna de um cara é de doer. É claro que não poderia faltar um prédio enorme onde o gorila resolve subir por alguma razão, mas as semelhanças com ''King Kong'' acabam nos minutos finais, é um final muito mais trágico.













FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: xing xing wang
ANO: 1977
PAÍS: hong kong
DURAÇÃO: 86 min
DIRETOR: Meng Hua Ho
ELENCO: Evelyne Kraft, Danny Lee e Feng Ku.

Sem comentários: