30.1.15

em cartaz - A ENTREVISTA


O filme que quase deu início à terceira guerra mundial chegou. Se não fosse pela polêmica gerada, teria passado quase despercebido, não é uma comédia que vai mudar a sua vida. Algumas piadas não funcionam (porque são nojentas), outras trazem terríveis trocadilhos, não tem legenda que consiga te ajudar. Antes do final, cabeças explodem, jorra muito sangue, isso não combina muito com o restante do filme. Mas há coisas que funcionam. E, é claro, o filme realmente detona com a imagem do Kim Jong-un, porém, já vi coisas piores, o pai dele em ''Team America'', o Saddam em ''Top Gang'', George Bush ''pai'' nos Simpsons... Se o cara já tem uma imagem ruim mundo afora, e em seu país ele controla toda a mídia, por que se preocupar tanto com um filme que, como eu disse, poderia ter passado despercebido pelos cinemas?


- É a minha razão de viver.


James Franco é Dave Skylark, ele é o apresentador de um programa de entrevistas. Por conta desse programa, muitos famosos fazem pontinhas nesse filme. Um dia, Dave descobre que o presidente Kim é fã da cultura norte americana, na verdade, ele gosta apenas de duas coisas, de ''The big bang theory'' e do programa do Dave. Essa era a oportunidade que o produtor do programa, Seth Rogen, estava esperando. Ele quer fazer jornalismo sério. Rogen consegue agendar uma entrevista com o presidente lá na Coreia do norte. Logo, a CIA entra em contato com os caras. A agência quer que os dois rapazes matem o presidente. Chegando na Coreia, Dave descobre que Kim é um cara super legal (ele até imita o HAL 9000), e isso compromete a missão. Quando algumas verdades vem à tona, o clima do filme fica mais pesado. As piadas que mais funcionam são aquelas que fazem referências a filmes famosos. Seth Rogen está ok, James Franco está exagerado. Nas comédias, ele deveria ficar sempre com o papel do cara sério.











FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: the interview
ANO: 2014
PAÍS: eua
DURAÇÃO: 112 min
DIRETORES: Evan Goldberg e Seth Rogen
ELENCO: Seth Rogen, James Franco, Randall Park e Diana Bang
ESTREIA BR: dia 29 de janeiro de 2015
VEJA TAMBÉM: Trovão tropical.

Sem comentários: