5.1.15

DÊ UMA CHANCE PARA ...


STRAPPED é um filme temático de 2010. Faz o tipo beeem calminho, sem fortes emoções. A princípio, o personagem principal não está à procura de si mesmo, mas acontecem algumas coisas que o fazem repensar sua vida, e ele também precisa tomar uma decisão a respeito de sua sexualidade duvidosa.
O rapaz é bonitinho, uma penugem como bigode e um corpinho legal. Ele trabalha como garoto de programa. Durante o filme, ele vai atender vários tipos diferentes de homens, românticos e solitários, enrustidos e violentos, hetero-curiosos ... sempre rola alguma conversa, e você fica sabendo mais a respeito dos clientes. O garoto, sem nome, ouve diversas histórias como se fosse um psicólogo, e essas conversas (pré ou pós sexo) acabam mexendo com ele aos poucos. No fim, surge aquilo que estava faltando na vida do rapaz. O filme é um drama com um pouco de romance, é bonitinho e tenta se manter assim. Quero dizer, tem muitas cenas de sexo, mas são aquelas cenas que nós vemos em seriados de tv, e não cenas de sexo que a gente costuma ver em filmes temáticos. STRAPPED é um filme bem educadinho, até nas cenas de nudez, ele prefere investir no roteiro.

FICHA TÉCNICA

TÍTULO ORIGINAL: idem
ANO: 2010
PAÍS: eua
DURAÇÃO: 95 min
DIRETOR: Joseph Graham
ELENCO: Ben Bonenfant, Nick Frangione e Artem Mishin.

1 comentário:

Anónimo disse...

Muito bom! Já assisti mais de uma vez justamente porque investe em roteiro. Você fica sempre curioso pra saber o que o espera na próxima porta. E as cenas de sexo são boas também.

ac.ac.