25.9.14

ESTREIAS DA SEMANA


"Sin City: A Dama Fatal" é a sequência do longa de 2005, baseado nos quadrinhos de Frank Miller. Miller e Robert Rodriguez dirigem o filme, como o anterior, e grande parte do elenco retorna (com exceção de Clive Owen, substituído por Josh Brolin). No filme, Eva Green interpreta Ava Lord, uma mulher perigosa que provoca uma guerra entre as gangues de Sin City. Também estreiam na franquia Joseph Gordon-Levitt, Juno Temple e Lady Gaga. Duração 102 minutos.



Em Miss Violence, Aggeliki (Chloe Bolota) se joga da varanda de casa, no seu aniversário de 11 anos, com um sorriso no rosto. Sua família alega que não foi suicídio, mas sim um acidente e  parece conformada com a morte da menina tentando, de todas as formas, continuar com suas vidas, perfeitamente organizadas. Em busca de respostas, promotores começam uma investigação para saber se foi, ou não suicídio e quais são os segredos obscuros que essa família, aparentemente perfeita, guarda. Duração 98 minutos.




Baseado na série de TV dos anos 80, "O Protetor" traz Denzel Washington no papel de Robert McCall, um ex-agente secreto perseguido por um passado sombrio. Quando descobre que a jovem Teri (Chloe Grace Moretz) é prisioneira da máfia russa, ele decide intervir. Duração 131 minutos.



Na comédia romântica "Será Que?", Wallace (Daniel Radcliffe) é um garoto que não acredita em amor (ou, talvez, um garoto romântico demais). Seus problemas começam quando ele conhece Chantry (Zoe Kazan), uma menina com um namorado de longa data que se torna imediatamente sua melhor amiga - mas com quem ele descobre uma química sem igual. Duração 102 minutos.



Inspirado no conto original francês, de Gabrielle-Suzanne Barbot, a versão de Christophe Gans para "A Bela e a Fera" traz Léa Seydoux no papel de Bela, a filha mais nova de um mercador, que aceita morar num castelo amaldiçoado junto de uma Fera (Vincent Cassell) para salvar a vida de seu pai. Duração 112 minutos.

PRÓXIMAS ESTREIAS:
Os Boxtrolls
O candidato honesto
Garota exemplar
Grace de Mônaco
Libertem Angela Davis
Sem pena
O último Concerto

Sem comentários: