04/01/2013

POR ONDE ANDA ESSE FILME?


Meu segundo namorado tinha uma video locadora muito interessante. Haviam muitos filmes europeus, filmes orientais, filmes de vários países, aqueles filmes que você não encontra facilmente por aí. Ora, os filmes norte americanos conhecem o caminho até o Brasil, quase 100% dos filmes, de uma video locadora, são americanos. Essa é a Era do dvd, no Brasil ela ficou devendo. Mas no tempo do vhs, era uma questão de entrar em contato com a distribuidora certa. A locadora do Drico tinha vários filmes temáticos, verdadeiras raridades em vhs. Vi todos eles. Ele fechava a locadora no fim do dia e a gente levava uma fita ou duas para o apartamento dele.
E aí, numa bela noite, antes do sexo (ai, como sinto falta disso), vi MINHA VIDA EM COR DE ROSA.
O filme ganhou um Globo de ouro de melhor filme estrangeiro em 1998. Passou batido pelo Oscar, forte demais para a academia talvez?
O filme conta a história de Ludo, um garotinho de 7 anos que meteu na cabeça que é uma menina, bem, na verdade ele é sim. Ludo é trans, e quer viver como uma menina. Seus pais não aprovam isso, eles podem ser um tanto tolerantes em alguns momentos, mas estão preocupados com o que os vizinhos vão pensar. E assim tentam fazer Ludo se comportar como um menino a todo custo. E isso acaba custando a felicidade do garoto.
O filme lembra bastante um Almodóvar, cenários coloridos carregados e bom humor em meio ao drama. Numa sequência memorável, a mãe de Ludo imagina o filho morando com uma Barbie de carne e osso numa casa de brinquedo em tamanho real. O minuto final é super engraçadinho.

3 comentários:

ALESSANDRO SKYWALKER disse...

FICHA TÉCNICA

TITULO ORIGINAL: ma vie en rose
ANO: 1997
PAÍSES: frança, bélgica, reino unido
DURAÇÃO: 88 min
DIRETOR: Alain Berliner
ELENCO: Georges Du Fresne, Michèle Laroque e Jean-Philippe Écoffey
PRÊMIOS: Globo de ouro de melhor filme estrangeiro (Bélgica)

Leo Natura disse...

Oi, Alessandro!
Tô passando pra desejar um feliz 2013 e pra dizer que o meu blog novo já tá no ar. Vou linkar você lá.
Abração!

ALESSANDRO SKYWALKER disse...

oi Leo

passei pelo hiper faz alguns dias, ia deixar um coment mas começou a chover raios por aqui, o blog já está nos meus favoritos.