31/01/2012

RESULTADO DA ENQUETE DO CANGURU

O cara não deu muito certo como Wolverine, mas daria conta de um Indiana Jones? Hugh Jackman é o campeão da última enquete. E, no papel do famoso herói, sua missão no filme será...

... encontrar o continente perdido de Atlântida. Wow, acho que daria um filmão.

OS DESCENDENTES

O filme é ótimo, gostei dele, mas "Oscar de melhor filme"? É uma produção tão simples, na verdade acho que já vi muitos outros filmes bem parecidos. Ele é muito bem feito mas não vai mudar a sua vida, entende? O Globo de ouro ele já levou, melhor ator e melhor filme. E devo dizer que a atuação de Clooney é um tanto suspeita. Mas essa é a minha opinião, o filme é um drama, tem um pouco de comédia, pouca coisa para não comprometer o filme, e ver Clooney num papel dramático é um tanto estranho para mim. Claro que já vi isso antes, é só que, alguns personagens coadjuvantes (em alguns poucos momentos) nos fazem rir um bocadinho, e aí você fica esperando para ver Clooney entrando na piada. Mas ele não entra, seu papel é sério de verdade, até o fim. Ainda assim, o filme é bem gostoso de acompanhar, com belas locações no Havaí.

TANTAS CENAS NA PRAIA... E ELE NUNCA TIRA A CAMISA

A família de Matt King está no Havaí há inúmeras gerações. Ele tem primos espalhados por todo o arquipélago. Mas ele está sempre fora, sempre ocupado trabalhando. Quando sua esposa sofre um acidente e entra em coma, Matt vai até o Havaí para ficar com suas duas filhas, uma tem 17 anos e a outra tem 10, ele não as vê há anos, sempre foi um pai ausente. Seu casamento com Elizabeth também estava passando por um momento complicado. Os médicos dizem para Matt que a esposa não tem salvação, ela vai mesmo morrer. Ele descobre que Elizabeth estava tendo um caso (não é spoiler, tá no trailer) e resolve ir atrás do misterioso amante. Se os dois realmente se amavam, o cara precisa vê-la, antes que os aparelhos sejam desligados. Ao lado das filhas pestinhas, Matt viaja pelas ilhas do Havaí atrás do amante da mulher. Durante essa viagem, ele vai tentar se aproximar das meninas pela primeira vez na vida.











VEJA TAMBÉM: Uma prova de amor, Um lugar qualquer, Beleza americana, Pequena Miss Sunshine.

REPLAY - OS HOMENS QUE NÃO AMAVAM AS MULHERES

No quesito "investigação", o filme é show de bola, nunca fica chato. Só não gosto da maldita cena de estupro (FF nela). O clima de mistério está em toda parte, a trilha musical ajuda bastante. A trama exige que o filme perca seu ritmo em alguns momentos, o final meio que se arrasta um pouco após o clímax, uma vez que algumas pontas soltas precisam ser amarradas. E o filme faz isso muito bem.
Mikael é um jornalista investigador da revista Millennium. Acusou um poderoso empresário de vários crimes numa edição da revista e suas fontes desapareceram logo em seguida. Uma cilada! Mikael foi julgado e ganhou 3 meses de prisão. Antes de começar a cumprir sua pena, ele é contratado por um velho ricaço que está tentando encontrar sua amada sobrinha que desapareceu há quase 40 anos. Ou foi morta há quase 40 anos. Todos os parentes do velho (de olho na fortuna) são suspeitos.
Paralelamente, acompanhamos a hacker Lisbeth que, depois de resolver alguns problemas pessoais, se torna a parceira de Mikael na investigação. Os dois formam uma ótima dupla, embora Mikael seja um tanto lerdo, quase põe tudo a perder falando demais e confiando nas pessoas erradas. Na verdade, a moça faz boa parte do trabalho, ela é um gênio. Esse dvd é simples e não traz nada que possa ser chamado de "extra", mas vem dentro de uma luva e tem uma capa dupla.

MILLENNIUM - OS HOMENS QUE NÃO AMAVAM AS MULHERES

David Fincher não está na minha lista de diretores favoritos por muito pouco. Meio mundo condenou o terceiro "alien" mas eu gostei do filme. Tenho outros 6 filmes do diretor em minha coleção. Mas este, eu não vou comprar não. Eu já tenho esse filme em casa! O mesmo filme. Essa versão americana tem um pouco do livro e um pouco da versão sueca, tem até os mesmos diálogos! Digo, se você já viu o filme sueco, você já viu esse também. Poucas mudanças, poucas surpresas. Não é um filme ruim, é apenas um remake desnecessário, já que não trouxe nada de novo.

JAMES BOND NÃO É SHERLOCK HOLMES

Jornalista é contratado para encontrar uma moça que desapareceu há 40 anos, e uma hacker gótica vai ajudá-lo na busca. Cara, eu não vou escrever a trama toda novamente (veja o replay), são filmes-gêmeos. A versão americana não tem aquele clima de mistério, os personagens fazem deduções mas não explicam nada pra gente. A Lisbeth desta versão é uma moça bem mais agressiva (mas não tem cheiro de Oscar), o Mikael de Danny Craig está um tanto apático, não faz muita coisa, foi mal aproveitado. E o final foi bobinho. Ainda prefiro a versão sueca. Um ponto a favor da versão americana: Daniel exibe o corpão, muito mais sexy que o cara da versão sueca. Se você não leu o livro e nem viu o filme de 2009, pode até gostar um pouco desta versão. Para mim não haviam novidades, e quase se tornou uma completa decepção. Longo demais para "mais do mesmo", eu havia visto o dvd no dia anterior para refrescar a memória e me dei mal. Não gosto de cenas de estupro e acabei vendo duas delas em menos de 48 horas. No caso do dvd, tive a opção de pular o capítulo, ainda bem.










VEJA TAMBÉM: Seven os sete crimes capitais, Pulp Fiction, Zodíaco, O segredo dos seus olhos, Questão de honra, Cowboy Bebop.

J. EDGAR

Então, nada de Oscar ou de Globo de ouro? É um filme ruim? Né não, só não tem cara de filme, não tem um ritmo de filme. A trilha musical, quase inexistente, ajuda nessa sensação. É como se fosse uma mini serie de tv que poderia ser dividida em 3 ou 4 capítulos. A atuação de Leo também não ajuda muito. No papel do Edgar idoso (a maquiagem neste filme deixa a desejar) ele não altera sua voz e nem mostra sinais de cansaço, ficou bem estranho. O filme tem um pouquinho de ação, pouca coisa, e nos diálogos é um tanto pretencioso. O filme tem aquela fome de "quero ser grandioso", logo, os diálogos não são lá muito naturais. A trama é narrada pelo Edgar idoso, é a sua biografia e ele quer que tudo fique chique no último. Judi Dench tenta dar um toque de fantasia ao filme, ela está ótima, suas falas é que são o problema. Como eu disse, seria uma beleza se fosse uma mini serie para a tv.

NÃO VAMOS ASSUMIR O ROMANCE TÃO CEDO

O filme conta a história do mais famoso diretor do FBI, J. Edgar Hoover, mais de 40 anos no cargo, ele foi o responsável por uma revolução no bureau e se tornou uma celebridade. Sem tempo para mulheres, ele trabalha demais (dá ordens demais e a voz do Leo não é assim tão autoritária...), mas sempre arruma um tempo para ver sua velha mãe (Dench) e para viver um romance secreto (e sem graça) com seu braço direito Clyde (Armie Hammer). Sim, rola beijo, mas você não vai gostar da cena. Duas mortes no final, mas elas não comovem. É um filme de Clint Eastwood sem Clint Eastwood. Peca até nos momentos em que tenta passar tensão. A sensação cronológica é de 5 horas. Resista à tentação de olhar as horas no celular, ninguém gosta daquela maldita luz acesa dentro do cinema.










VEJA TAMBÉM: O aviador, A rainha, Milk, JFK a pergunta que não quer calar, Questão de honra, O povo contra Larry Flint.

PRECISAMOS FALAR SOBRE O KEVIN

Por que diabos esse filme ficou de fora do Oscar deste ano? É forte demais? Tocou num tema que ninguém quer ouvir falar? Uma indicação para Tilda Swinton seria bem vinda. Esse não é um filme fácil de se ver, pode ser perturbador em alguns momentos. Tem poucos diálogos e nem sequer precisa deles, é apresentado como se fosse um sonho, de fato, a personagem de Tilda está num estado zumbificado. E você vai entender o motivo lá no final. O filme foi ignorado pelo Globo de ouro (1 mísera indicação) e pelo Oscar, não porque seja um filme ruim, ele apenas foge um pouco do padrão hollywoodiano, não é para todos os públicos, e como eu disse, ninguém quer discutir um assunto tão espinhoso.

PRECISAMOS DAR UMA PALMADA NO KEVIN

O filme começa no presente, o passado pinta em flashbacks sem nenhum aviso, mas você nunca fica perdido. O filme não abandona a personagem principal, Eva. Seu filho adolescente, Kevin, aprontou uma coisa muito muito feia (cuidado, muitas sinopses por aí estão contando o filme todo), é melhor não falar nada sobre isso. E Eva é quem está levando a culpa. A cidade toda a odeia. Ela é agredida na rua, sua casa e seu carro são vandalizados. Logo, vamos até o passado para acompanhar o nascimento de Kevin, sua infância e tudo o mais. Podemos ver que Eva nunca teve culpa alguma, Kevin sempre foi um monstrinho, desde muito pequeno. E a gente pode até sentir raiva da mãe porque ela nunca desistiu do filho, o garoto é realmente infernal e é um caso perdido. Ela nota isso mas não pode fazer muita coisa, pois ninguém acredita nela, uma vez que, perto do pai, o menino tem um comportamento normal. A narrativa do filme é soberba, a cor vermelha é um personagem coadjuvante, nem sempre é sangue, mas passa essa ideia sempre que aparece. Palmas para a diretora, o filme é uma pequena pérola do começo ao fim.










VEJA TAMBÉM: Elefante (2003), Nó na garganta, A fita branca, Tiros em Columbine.

29/01/2012

cinema, homens e pipoca apresenta

CAVERNA DO DRAGÃO

EDIÇÃO ESPECIAL

E tudo começou com Frodo e o Anel. Tolkien é chamado por muitos de "o pai do RPG". DUNGEONS & DRAGONS (calabouços e dragões) é um RPG de tabuleiro com pecinhas que representam os jogadores (cavaleiro, fada, elfo, duende, bárbaro, etc) e vários dados malucos. Um jogador faz o papel do Mestre do jogo (ou Mestre do calabouço) narrando a trama e ditando as regras da aventura medieval. O jogo foi lançado pela primeira vez nos isteites em 1974 e recebeu várias versões ao longo dos anos. No Brasil, o "advanced dungeons & dragons" só pintou em 1994. Hoje, existem vários tipos de RPGs por aí, gerando grandes competições ao redor do mundo e também on line.

Em 1983, D&D ganhou uma versão animada. A serie, com personagens próprios (mas havia um Mestre do jogo presente) durou 3 temporadas (27 episódios) e foi cancelada quando a D&D Corp fechou as portas. Por aqui, o seriado recebeu o nome de CAVERNA DO DRAGÃO e foi exibido na mesma década.
Seis jovens, num parque de diversões, entram numa "montanha russa fantasma" chamada Dungeons & Dragons e vão parar num reino distante de mesmo nome (também chamado simplesmente de "o reino"). O Mestre dos magos, o guia do pedaço, entrega à cada um deles uma arma mágica. Eles se tornam personagens (ou pecinhas de plástico do RPG) num jogo e a aventura começa.




OS PERSONAGENS

HANK (O ARQUEIRO)

Não sabemos muita coisa a respeito desses personagens. Como era a vida deles na Terra? A serie não revela muito, mas a gente consegue pescar alguns fragmentos aqui e ali. Sabemos que Hank estuda na mesma escola que Diana. Seu namoro com Sheila é apenas sugerido, o cara está disponível. Diana já deu em cima do rapaz duas vezes e, por conta disso, sabemos também que ele é tímido. Hank conhece história americana muito bem, e também conhece aviões antigos. É o único personagem da serie que nunca teve um envolvimento amoroso. Seu arco dispara flechas energéticas que podem ser fatais, quentes, sólidas ou flexíveis. O maior medo de Hank é falhar como líder quando todos estão dependendo dele.


DIANA (A ACROBATA)

Estudou, ou estuda, na mesma escola que Hank. Possivelmente, todos os personagens estudam juntos lá (o Eric também??). Diana já venceu muitas competições de ginástica na escola. Seu pai é um astrônomo. Há uma grande chance da moça ter vivido o primeiro romance interracial (maldita nova ortografia) num desenho animado para a tv, quando se apaixonou por um rapaz chamado Kosar. Nesse mesmo episódio, o Mestre dos magos sugere que Diana e Kosar já se encontraram em uma vida passada e se encontrarão novamente na próxima vida. A arma de Diana é um bastão mágico que pode aumentar ou diminuir de tamanho conforme a necessidade. Não é inquebrável, mas pode se consertar sozinho. O maior medo de Diana é se tornar uma velha incapaz de se defender.


SHEILA (A LADRA)

Ela pode ser esperta, mas precisa provar aos outros que também é corajosa. É a irmã mais velha de Bobby, e se sente na obrigação de proteger o irmão já que seus pais não estão presentes. Sua arma é uma capa que a torna invisível. Algumas vezes o seriado comete alguns erros em relação ao seu poder, e sua invisibilidade fica com cara de "teleportação". Ela também tem a estranha habilidade de se comunicar com fadas e é apaixonada por Hank. O rei Solarz a pediu em casamento mas ela recusou a oferta. Seu maior medo é ficar sozinha.


PRESTO (O MÁGICO)

Ganhou o apelido de "presto" quando se tornou o mago da turma, seu nome verdadeiro nunca foi revelado. A serie também nunca explicou por que o chapéu de Presto não funciona direito. Mas há duas razões para isso: o Mestre dos magos já disse que Presto precisa evoluir como mago. E no cemitério de dragões, seu chapéu (com a energia ao máximo) funcionou perfeitamente. Então, a culpa não é do chapéu. Mas leve em consideração que, tanto Presto quanto Eric, fazem parte do alívio cômico da serie. Teve um relacionamento amoroso barra telepático com uma moça chamada Varla, que podia criar ilusões. Seu maior medo é perder os óculos, fica totalmente cego sem eles.


ERIC (O CAVALEIRO)

Ele nunca se cansa de dizer o quanto sua família é rica (e eles estudam na mesma escola?). Um iate, um quintal descomunal, um mordomo, carros de luxo... ele não exagera, está sendo sincero quando conta essas coisas. Ele também já deixou bem claro que é um péssimo estudante. Sua arma é um escudo indestrutível. Ele já se transformou numa fera do pântano, no Mestre dos magos e num macaco de nariz azul. Seu maior medo é ver as pessoas rindo dele. Quase se casou com a rainha Zinn.


BOBBY (O BÁRBARO)

O irmão mais novo de Sheila tem apenas 9 anos (única idade revelada na serie), podemos ver seu nono aniversário no episódio "servo do mal". Aparentemente, nesse episódio, a turma ainda não sabe que, em nosso mundo, o tempo anda mais devagar, quase parando. Com seu poderoso tacape ele se joga na frente do perigo deixando sua irmã com os cabelos em pé. É o guardião do bebê unicórnio Uni. Sempre que pinta uma chance de voltar para casa, Bobby se atrapalha com Uni, não pode levá-la e não quer deixá-la sozinha. Mas no episódio "a bela e a fera do pântano", Bobby levou Uni para a Terra sem cerimônias. Teve um envolvimento amoroso com uma menina chamada Terri. Bobby ficou com o colar da garota quando ela voltou para o nosso mundo. Seu maior medo é ser tratado como um bebê.


O VINGADOR

Para muita gente, ele é o filho do Mestre dos magos. Por conta de uma certa frase (levante-se, meu filho). Mas isso não quer dizer nada, o Mestre dos magos nunca chamou a irmã do Vingador, Kareena, de "filha". Mas o Mestre dos magos já revelou que o Vingador foi seu aprendiz no passado, e se voltou para o mal, adotando o terrível demônio sem nome (o portal do amanhecer) como seu novo mestre. Sabemos que o Vingador tem mais de mil anos, ele lançou seus dragões contra a aldeia de Élix e foi derrotado pelo mago Merlim. O Vingador tem asas, mas não voa, para isso ele tem seu estranho cavalo voador, que não tem asas... (será que ele carrega o cavalo?) Seu braço direito é o Demônio das sombras, seus exércitos são formados por Orcs e por homens lagartos. A única coisa no Reino que pode derrotar o Vingador é o dragão Tiamat (bem, existem os corações de pedra dos Ursos amigos mas... nhé). Apenas com as armas do poder em mãos, o vilão poderá tomar todo o Reino.


O MESTRE DOS MAGOS

Sempre que fala por enigmas ele deixa claro que conhece o futuro, ou os próximos 20 minutos. Todo mundo no Reino conhece o cara, ele é respeitado ou temido. Tem uma grande amiga chamada Zandora que foi aprisionada pelo Vingador. Certa vez ele disse "a cada ato de bravura, vocês se aproximam cada vez mais do caminho de casa", e também "vocês já deram o primeiro passo para o caminho de casa", ou ainda "vocês estão mais próximos do caminho de casa do que imaginam". Ou seja, os personagens estão ganhando "pontos de experiência" do Mestre do calabouço. Só assim você avança no RPG. Para ele, tudo não passa de um jogo, que sádico...



TIAMAT

Tiamat é uma deusa da mitologia babilônica, às vezes assume a forma de uma serpente ou de um dragão. No seriado, o dragão tem uma voz masculina, no original em inglês ela é bem estranha. Tiamat é o ser mais poderoso do Reino (o demônio sem nome só conta por 1 episódio) e só quer saber de dormir sem ser incomodado. Cada uma das cinco cabeças de Tiamat tem um disparo único (fogo, gelo, ácido, raios, gás) e ele também é capaz de falar. Tiamat tem a habilidade de se teletransportar.


CURIOSIDADES DA CAVERNA

Foram 27 episódios produzidos.
Em 10 episódios os personagens chegaram bem pertinho de voltar para casa. Em 2 deles, eles conseguiram voltar, mas tiveram que retornar ao Reino por algum motivo.
Não existe uma ordem cronológica oficial, mas sabemos que "prisão sem muros" se passa depois de "o vale dos unicórnios", uma vez que vemos Uni se teletransportando após ter aprendido a usar essa técnica no vale.
A cidadela dos Ursos amigos é enorme. Mas, durante todo o episódio (o traidor) a gente só vê 3 ursos, sempre os mesmos.
Um furo enorme no episódio do Nevoeiro. Martha passou a vida toda fugindo do vilão depois que ele levou seus pais. Quando o Nevoeiro é derrotado, as pessoas que foram sequestradas retornam, mas não se vê os pais de Martha em canto algum.
A fera do lodo, Willy, aparece em dois episódios.
O episódio "o sonho" revela que existe um final. Pelo menos Bobby conseguiu voltar para casa.
As armas do poder vieram do cemitério de dragões. A "bateria" delas dura 300 anos, depois precisam ser recarregadas no Salão dos ossos (boa sorte na próxima vez, o Vingador destruiu o lugar).
Em 3 episódios vemos o Vingador escravizando anões.
O Vingador destruiu, acidentalmente, o caminho para o nosso mundo duas vezes.
O Reino fica num planeta que gira ao redor de 4 sóis e tem 3 luas (o cemitério de dragões fica em uma delas). As crianças perdidas vieram de um planeta distante e não de outra dimensão. Mesmo assim, o Mestre dos magos acreditava que a espaço nave delas poderia ajudar os jovens a voltar para a Terra.
Por conta de um erro na montagem dos cenários, a rainha dos dragões fada atravessou o espelho mágico e foi parar no parque de diversões.
O bastão de Diana, o arco de Hank e o chapéu de Presto, são as únicas armas que já demonstraram ter algum tipo de vontade própria.
No audio original, um mesmo homem fazia a voz de Uni e de Tiamat. Na dublagem brazuca, um mesmo dublador fazia a voz de Bobby e de Uni, sempre que o unicórnio abria a boca.


O LENDÁRIO EPISÓDIO FINAL

Não era moda escrever um episódio final para um desenho animado na década de 1980. Não fazia sentido na época. Mas os fãs nunca perdoaram isso. O lendário episódio final nunca foi produzido. Mas você já viu muitos finais duvidosos na internet. Aposto que havia um amiguinho seu na escola que dizia ter visto o último episódio num certo dia. E aí você começou a colar o rosto na tv para poder ver a reprise do tal episódio. Bem, seu amigo mentiroso nunca imaginou algo desse tipo:

AS TEORIAS MAIS MALUCAS DA INTERNET

- O mestre dos magos e o dragão Tiamat são a mesma pessoa.
- Por conta de um acidente fatal na montanha russa, todo mundo morreu. O Reino é na verdade uma espécie de purgatório. O mestre dos magos é Satanás e o dragão é um anjo.
- O Reino é uma dimensão-prisão. Onde todos os maus elementos do multiverso são aprisionados. O Vingador deveria ser o guarda da prisão, mas resolveu formar um exército para conquistar outros mundos. Depois que o Vingador foi derrotado, a porta para os outros mundos ficou aberta e o Mestre dos magos pediu aos garotos que fizessem uma escolha: voltar para casa, ou ficar no Reino defendendo o local de futuras invasões.
- O Vingador e o Mestre dos magos são a mesma pessoa, dividida em duas partes.
- O Vingador prendeu toda a bondade que tinha no coração em um monumento de pedra. Quando Eric destruiu o monumento, ele libertou a bondade do Vingador, que voltou a ser 100% bonzinho.
- Na quarta temporada, mudanças no elenco. Alguns personagens voltam para casa, outros ficam, e novos personagens são trazidos da Terra para completar a equipe.


CAVERNA DO DRAGÃO - O FILME

No ano 2000, DUNGEONS & DRAGONS ganhou um filme. Nada a ver com o seriado animado de 1983. Por conta disso o filme nem sequer foi chamado de "caverna do dragão" aqui no Brasil. O filme é meio bobinho, mas ganhou uma continuação em 2005. Uma parte 3 ainda está para ser lançada e um quarto filme foi prometido para 2012. Atualmente, a Mill Creek Entertainment é a dona dos direitos do seriado animado.

27/01/2012

FIQUE POR DENTRO DE R2D2

1- R2D2 é um dróide astromecânico fabricado pela Automaton Industrial. "R2" é o seu número de serie. Com seus pés magnetizados, ele pode andar pelo casco de espaço naves e fazer reparos durante o voo.
2- Salvou a vida da Rainha de Naboo quando ela foi obrigada a fugir de seu planeta durante uma invasão. Dez anos depois, salvou a vida da moça novamente, no planeta Geonosis.
3- Seu apelido é Artoo (de Artoo Detoo), ele foi manipulado pelo anão Kenny Baker em (quase) todas as suas aparições.
4- George Lucas já chegou a dizer que R2 é o seu personagem favorito em star wars. O dróide ganhou uma mini aventura só dele no inicio do filme "a vingança dos Sith".
5- R2D2 tem inúmeras funções, parece um canivete suiço: foguetes, cabo, ejetor de óleo, braço retrátil, fusioncutter, holoprojetor, periscópio, bastão elétrico, compartimento escondido com ejetor, extintor de incêndio, modo submarino, desativador de dróides, braço de acesso à computadores, scanner de formas de vida, lança-fumaça e sensores de vários tipos.
6- Ele tem 96 centímetros de altura.
7- Em "a vingança dos Sith", um erro nas legendas em português faz a gente pensar que R2D2 teve sua memória apagada. Na verdade, apenas C-3PO perdeu a memória. R2 se lembra de todos os acontecimentos da nova trilogia. E como ele entende a gravidade da situação, guardou todos os segredos para si.
8- Há um fictício documentário sobre R2 na primeira edição em dvd de "a ameaça fantasma", onde ele é apresentado como um ator estressado que se tornou um viciado em bebida.
9- R2-D2 e C-3PO são as únicas testemunhas do casamento de Anakin e Amidala. Também estavam presentes no nascimento dos gêmeos Luke e Léia.
10- Sua memória nunca foi apagada, e durante as guerras clônicas ele teve acesso a inúmeros segredos da República. Por conta disso, foi sequestrado pelo General Grievous. R2 enfrentou o dróide traidor R3 S6 numa luta e foi resgatado pelo General Skywalker.

LISTA DE COMPRAS

TWIN PEAKS - A SERIE COMPLETA, GOLD BOX EDITION (DVD)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Será lançado amanhã, com 10 discos na caixa. Apesar de ter perdido o rumo na segunda temporada, essa série marcou época e esse box vem cheio de extras. Obrigatório.


WINTER, O GOLFINHO (DVD)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Quando estreou nos isteites, foi parar no topo das bilheterias. Golfinho machucado ganha uma nova cauda e um amigo. É para a criançada.


QUAL SEU NÚMERO? (DVD, BLU-RAY)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Acabei de ler o livro, caraca, como os filmes deixam tanta coisa de fora... O filme se concentra mais na amizade entre Anna Faris e Chris Evans (que fica em segundo plano durante boa parte do livro) deixando o lance dos ex namorados um pouco de lado. Ainda assim é uma CR inofensiva, e tem o bumbum e a nudez de Chris Evans, para ver em HD.


SUA ALTEZA? (DVD)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Parece uma comédia medieval que tentou fazer piada de si mesma, o filme não quer ser levado à sério, mas também escorrega no humor. Natalie Portman e James Franco toparam a brincadeira e acabaram se transformando em meros chamarizes.


MEIA NOITE EM PARIS (BLU-RAY)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Só um toque, cuidado com esse blu que já está nas lojas há algumas semanas. É um lançamento "para locação", custa mais de 100 reais e não tem extra algum. Vamos esperar pelo lançamento "para venda", haverá extras e o preço será mais em conta.



ROMANCE INACABADO (DVD)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Sim, tem Fred Astaire, sim, é um musical, mas é também um drama. A cada minuto, um final feliz parece estar mais distante.


LEVADA DA BRECA (DVD)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Uma comédia que é realmente uma comédia. Obrigatório. Ops, não gostei da capa, espero que não tenha sido colorizado...


ATIVIDADE PARANORMAL - TÓQUIO (DVD)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Apesar de estar ligado aos outros filmes da franquia, o negócio aqui é "mais do mesmo", está na minha lista dos piores do ano.


PROFESSORA SEM CLASSE (DVD)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Um dos piores filmes de 2011 (sim, mais um) sem classe, sem humor, sem sentido, sem uma mensagem. Não vou perdoar Cameron Diaz tão cedo...


UMA MANHÃ GLORIOSA (DVD, BLU-RAY)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Diane Keaton e Harrison Ford são os coadjuvantes nessa comédia um tanto fraquinha estrelada por Rachel McAdams. Interessante esse lance de mencionar "o diabo veste Prada" na capa, acontece que o filme lembra um pouco "uma secretária de futuro" com alguns toques de "a verdade nua e crua", mas o humor é um tanto raso.

TODA FORMA DE AMOR (DVD)
COMPRAR OU NÃO COMPRAR?
Quando esse dvd for oficialmente lançado por aqui, o filme já deverá ter um Oscar no bolso. Christopher Plummer recebeu uma indicação para o prêmio de melhor ator coadjuvante. Nesse filme de 2010, Ewan McGregor fica sabendo que a) seu pai (Plummer) está com câncer e b) seu pai é homossexual e c) o velho está saindo com um homem mais novo (o gostosão Goran Visnjic).

OSCAR - ANO 1 - ROLOU BEIJO GAY

Ok, não foi exatamente um beijo gay, mas é quase isso. ASAS (1927) foi o primeiro filme a levar o Oscar de melhor filme no primeiro Oscar (1929). Veja a cena no video abaixo:

O ESPIÃO QUE TE AMAVA

Depois de ter feito aquela postagem sobre os filmes com lésbicas, resolvi rever o dvd da primeira posição, UM QUARTO EM ROMA. No filme, as duas moças usam bastante o google earth, uma está mostrando sua casa para a outra. No final, a câmera se afasta do hotel e vai até o espaço. Eu vi isso no filme e pensei: acho que consigo localizar esse quarto em Roma. Entrei no google maps e encontrei o local exato onde o filme foi feito. Curiosamente, como no filme, não há bandeira alguma no mastro do meio. Em todo caso, isso me deu uma ideia para uma nova serie de postagens (aguarde). Depois de encontrar o quarto em Roma, usei o GE para dar uma volta pelo meu bairro (as fotos eram de março de 2011), encontrei alguns cachorrinhos que costumo cumprimentar quando passo por suas casas (não conheço os donos...). Aí resolvi abusar. Fui atrás de um cara lindão, sempre que passo pela tal rua, eu dou uma olhada dentro da tal loja. E não é que eu encontrei o cara no GE?

Ele e o irmão mais velho são bem parecidos.

Também tirei uma foto da minha casa. Digo, porta. Nesse exato momento, estou ali dentro. Macabro...

26/01/2012

NOVA ENQUETE - INDIANA JONES E O MACGUFFIN PERDIDO

Harrison Ford, 70 anos em 2012. Para George Lucas o cara ainda está em forma para um novo Indiana Jones. Embora tenha sido substituído por dublês e por bonecos digitais no último filme. O ator está meio paradão desde "cowboys & aliens", um quinto Indiana Jones ainda não entrou em sua agenda. E o filme chegou a ser prometido para 2012 certa vez. Steven Spileberg está só esperando por um sinal verde de George Lucas, que ainda está atrás do elemento MacGuffin, aquele tesouro que vai servir de base para a trama.
Pode ser meio difícil imaginar outra pessoa no papel do herói, mas a gente tem que reconhecer que Harrison Ford não está ficando mais jovem. A franquia poderia ganhar um novo ator, alguém na casa dos 30 ou 40 anos. Poderia voltar às origens do personagem, antes do casamento, antes de Xáia Lebufy e tal. Vamos fazer uma nova enquete, vamos escolher um novo Indiana Jones e também um MacGuffin para um novo filme.

AS CRÔNICAS DA EDIÇÃO ESPECIAL - CAPÍTULO UM

O TELEFONEMA

Três anos sem sexo (isso não foi nada, o pior período de seca ainda estava por vir) choramingando pela casa por que eu? me afogando nas canções do Roxette, desperdiçando meu tempo doente como uma flor, pode ter sido amor, mas agora acabou. Fim de namoro. E o Kiko me dizia que a vida ainda é bela, veja o dia como está lindu-u e que amanhã será um novo dia. Novo dia? Já se passaram quase mil dias e a dor continua a mesma, Roxette de novo. E o que eu posso fazer? Existem outros gays no mundo? Aposto que sim. E na minha cidade? Eu e o meu ex...
Já que todos os gays do mundo parecem estar escondidos (atualmente pouca coisa mudou, hoje eu vi um... mas meu cabeleireiro não conta), resolvi investir em outros projetos.

A LISTA

1- Parar de acompanhar o seriado "sliders". Era uma boa serie, mas Jerry O'Connell era tão parecido com o meu ex que a serie me deixava deprimido.
2- Fazer sexo seguro com a pessoa que eu mais amo. Tradução: comprar filmes eróticos para uso particular. E desse modo, evito de pensar em sexo durante boa parte do dia.
3- Juntar uma boa grana. A trilogia de "guerra nas estrelas" (hoje é star wars) vai voltar aos cinemas numa edição especial com novos efeitos especiais.

Mas, de repente, depois de 3 anos de silêncio, pintou O telefonema.
- Vamos ao cinema?
Era ele, o traidor.
- Hum?
- Eu queria sair com você.
- E a sua namoradinha?
- Na praia, estou sozinho agora. Até segunda feira.

MINHAS 4 OPÇÕES:

1- Retomar o namoro, eu ainda o amo. Ele arrumou uma namorada para provar aos pais que não era gay. E por conta disso, a gente não podia mais se ver, todos já estavam ficando desconfiados. Depois de 3 anos como heterocara, ele já provou o que ele queria provar.
2- Não, eu o odeio, ele não vai deixar a namorada, precisa dela (eles se casaram em 2006, se não me engano). Vou recusar o convite, quero que ele sofra, que fique doente como uma flor. Mas ele só ouve Guns n' roses... então que seu casamento seja igualzinho ao do Axl Rose no video clip de "november rain". Não sei qual foi a causa da morte da noiva no clip, mas também nunca conheci a pobre coitada que ele estava enganando, então não vou desejar seu mal.
3- Sim, vamos ao cinema, você não quer se livrar da namorada e eu não quero ser "a outra". Vamos conversar, e se você disser que ainda quer namorar comigo, eu acabo com você. Vou ser tão frio quanto um iceberg.
4- Estou morrendo de vontade de fazer sexo. Quem sabe uma transa apenas, pelos velhos tempos? Tipo Julia Roberts, nada de beijo, apenas sexo. Eu sabia que ele estava querendo a mesma coisa (eu tenho algo que a namorada dele não tem).

Nos encontramos no xóping. Vimos a edição especial de "o império contra ataca". Eu já havia visto o episódio 4 na semana anterior, inúmeras vezes. Depois do filme, ele queria me levar para comer algo, queria conversar comigo. Mas eu tinha outros planos, traçados antes do maldito telefonema.
- Aonde você vai?
- Comprar um ingresso para a próxima sessão.
- Mas você acabou de ver o filme.
- Cara, é guerra nas estrelas...
- Eu não acredito! Você não mudou nada! Quantas vezes me arrastou para ver Jurassic Park numa mesma semana há 4 anos atrás? Ainda tá com essa mania de ver um filme um milhão de vezes no mesmo dia?
- Ok, em primeiro lugar, só fiz aquilo porque era Jurassic Park, você sabe como eu amei aquele filme. Em segundo lugar, eu nunca vi um guerra nas estrelas na tela grande. Passei a semana passada inteira vindo aqui, todos os dias, para ver o episódio 4, e agora vou ver o episódio 5 até cansar. E na semana que vem, vou ver "o retorno de Jedi" (poucas vezes, não sei se uma "edição especial" salvaria esse filme). Vai entrar comigo ou não?
- E você não viu nenhum "guerra nas estrelas" no cinema quando os filmes estrearam?
- Como poderia? Eu nem sequer era nasci... ok, é melhor mudar de assunto. Vai entrar ou não?
- Mas eu queria conversar com você, e sei que você fica doido quando eu abro minha boca durante o filme, então...
- Certo, vamos lá, rapidinho. Quer namorar comigo?
- Sim.
- Vai deixar a namorada?
- Não posso - a mesma resposta de 3 anos atrás.
- Então tchau.

Continua...

25/01/2012

TOP 10 - FILMES PARA MENINAS, E NÃO, VOCÊ NÃO ENTROU NO BLOG ERRADO

10ª POSIÇÃO - THELMA E LOUISE
Ok, não é um filme sobre lésbicas, mas se tornou um ícone no L world. Está na lista como menção honrosa.


9ª POSIÇÃO - AIMÉE & JAGUAR
Uma história de amor no meio da segunda guerra mundial. Apesar da ameaça nazista, uma moça judia se recusa a deixar Berlim. Ela não está apenas trabalhando como espiã para um grupo de resistência, ela também está apaixonada pela esposa de um soldado alemão. O romance vai ficando ainda mais complicado porque as duas não estão sendo tão discretas quanto deveriam ser.



8ª POSIÇÃO - MENINOS NÃO CHORAM
Ceeerto, outra menção honrosa. Hilary Swank não é lésbo, é uma trans. Mas tem mulé se agarrando nesse filme, então...



7ª POSIÇÃO - COMO ESQUECER
Ana Paula Arósio foi abandonada por sua companheira depois de um relacionamento de 10 anos. A moça desistiu completamente do amor e vive em um estado catatônico desde então. Afogando suas mágoas ao lado do amigo gay (Murilo Rosa) ela nem nota que um novo amor está batendo em sua porta. Se fecha completamente dentro de si mesma, dando muito trabalho para a moça que está tentando conquistá-la.



6ª POSIÇÃO - DESEJO PROIBIDO
Esse filme feito para a tv é a continuação de outro filme também feito para a tv, "o preço de uma escolha". Aqui no Brézil os nomes são tão diferentes que a gente nem nota isso. O esquema é o mesmo: mesma casa, épocas diferentes. No primeiro filme havia Demi Moore, Sissy Spacek e Cher (nos anos 50, 70 e 90) e o assunto principal era o aborto. Na continuação, temos 3 homocasais. Na década de 1960, uma mulher perde sua companheira, elas ficaram juntas por 50 anos, mas essa união não é reconhecida por ninguém. Na década seguinte, Michelle Williams se apaixona por uma garota que se veste como homem. Preconceito dentro do L world, suas amigas lésbicas não aprovam o namoro. E no ano 2000, Ellen DeGeneres tenta ter um filho com sua companheira Sharon Stone. É a parte mais fraca do filme, só serviu para que Ellen tirasse uma casquinha de Sharon na cena de sexo.



5ª POSIÇÃO - NOTAS SOBRE UM ESCÂNDALO
Judi Dench mete medo nesse filme. Apaixonada pela professora interpretada por Cate Blanchett, ela começa a chantagear a moça quando descobre que a professora fez sexo com um aluno de 15 anos.



4ª POSIÇÃO - FOME DE VIVER
É oficial, todo vampiro joga nos dois times. Catherine Deneuve é uma vampira antiga que precisa de sangue humano para se manter jovem (em contra partida, os humanos ganham uma vida mais longa). Mas ela já bebeu tanto sangue de seu amante humano (David Bowie) que ele começou a envelhecer em tempo recorde. O cara, com poucas horas de vida, vai atrás da médica Susan Sarandon, mas ela não tem como ajudá-lo. Deneuve se apaixona pela médica e tenta transformar a moça em seu novo banco de sangue particular pelos próximos séculos.




3ª POSIÇÃO - AS HORAS
Nicole Kidman é Virginia Woolf, o ano é 1923 e ela está se descobrindo lésbica, está deprimida e está escrevendo Mrs Dalloway. Em 1951 vemos a dona de casa Julianne Moore lendo o livro e tentando mudar de vida. Em 2001 Meryl Streep e sua companheira de 10 anos estão passando por uma crise na relação. Nove indicações para o Oscar (filme, diretor, Ed Harris e Julianne, Meryl... nadica) e apenas uma estatueta no bolso no final da premiação (Kidman), vai entender...




2ª POSIÇÃO - LIGADAS PELO DESEJO
Os irmãos Wachowski queriam fazer uma trilogia (matrix) mas o estúdio, com um pé atrás, encomendou um filme teste. "Vamos ver como é o estilo de vocês, depois a gente conversa sobre a tal trilogia, ou não". Esse filme é um ótimo thriller de suspense, bastante movimentado em sua segunda metade. As duas moças se juntam para roubar uma fortuna de um perigoso mafioso, o filme é sexy e violento. No roteiro, os irmãos Wachowski escreveram em letras garrafais "aqui acontece a cena de sexo, e nós não vamos mudar nada!!!", e a cena foi feita.



1ª POSIÇÃO - UM QUARTO EM ROMA
Esse filme é, decididamente, o lesbian movie mais romântico que já foi feito. Sou apaixonado por ele (deviam fazer uma versão com homens...). A espanhola Alba e a russa Natasha se encontram na noite de Roma e vão para o apartamento de Alba. Rola sexo e muitas histórias. Mas algumas histórias não são reais, e será que elas estão usando seus nomes verdadeiros? É uma transa anônima de uma noite apenas, tudo deverá ser esquecido ao amanhecer. Mas aí pinta uma paixão, segredos são revelados. O elenco é pequeno (duas atrizes e um ator coadjuvante), o cenário é um só, o quarto em Roma. O filme é beeeem teatral. Destaque para a trilha musical, com um pouco de ópera, música italiana, e você nunca se cansa de ouvir "loving strangers". É o brokeback mountain das lésbicas.